ANTT apreende 3 ônibus a serviço da Buser em Areal/RJ, na BR 040

Por ANTT
Imagens / Vídeo Equipe de fiscalização da ANTT

Em continuação a operação da ANTT que iniciou nessa sexta, ontem (30/01/21) se estendo até a madrugada de hoje (31/01/21) mais uma etapa da Operação Pascal 2021, com apoio da PMRJ, em Areal/RJ na BR 040, com apreensão de 03 ônibus a serviço da Buser.

Os 3 veículos apreendidos são de empresas de turismo e foram flagrados realizando serviço de linha (circuito aberto).

O veículo de propriedade da empresa Planalto transportada turística Ltda, que estava realizando linha (circuito aberto) de Brasília/DF para o Rio de Janeiro/RJ, não está cadastrado na ANTT para realizar nenhum tipo de serviço e para tentar ludibriar a fiscalização, foi apresentado uma licença de viagem de outro veículo pertencente a empresa Expresso JK transportes Ltda.

O veículo da empresa Agence Contact Internacional de Turismo (Horizonte Turismo), que estava realizando linha do Rio de Janeiro/RJ para Belo Horizonte/MG, estava com o extintor de incêndio vencido desde março de 2020, com o pára-brisa do lado direito trincado em círculo, em dois pontos e a área envidraçada superior frontal trincada de borda a borda na horizontal no meio em toda a extensão abrindo em duas rachaduras, colocando em risco a segurança dos veículos e de todos os passageiros.

O segundo veículo da empresa Agence Contact Internacional de Turismo (Horizonte Turismo), que também estava realizando linha do Rio de Janeiro/RJ para Belo Horizonte/MG, estava com o extintor de incêndio vencido desde outubro de 2020, também colocando em risco a segurança do veículos e de todos os passageiros.

90 passageiros foram retirados do transporte irregular.

A fiscalização alerta que veículos autorizados para realizar linha embarcam e desembarcam em terminais rodoviários e emitem bilhetes de passagens que são documentos fiscais. Já veículos autorizados para fazer “turismo” não podem embarcar em terminais rodoviários, não podem emitir bilhetes de passagens e viajam com uma licença de viagem com uma lista com os nomes dos passageiros. Portanto empresas que vendem apenas o trecho de ida e possuem lista de passageiros são considerados clandestinos e estão passíveis de apreensão.

A fiscalização alerta para o perigo de viajar em veículos considerados ‘’clandestinos’’, e que ‘ofertas pela internet e aplicativos podem ser verificadas na ouvidoria se são autorizadas ou não’’.

Clientes da Buser estão fazendo diversas reclamações sobre o aplicativo em redes sociais.

Em caso de dúvidas ou denúncias sobre a legalidade da viagem podem ser utilizados os canais da Ouvidoria da ANTT:

Whatsapp (61) 99688-4306; telefone 166 (24 horas); e o e-mail [email protected]

3 comentários em “ANTT apreende 3 ônibus a serviço da Buser em Areal/RJ, na BR 040”

  1. Essa empresa buser , não me parece dirigida por pessoas sérias ,estou desde de outubro tentando receber corridas que fiz pra são Paulo de veículos apreendidos pela ANTT , até o dia de hoje não recibi

  2. A ANTT deveria se preocupar com caminhões e carros transportando drogas e cargas roubadas na rodovia, ao invés disso, fica apreendendo veículos de quem tá tentando defender o pão de cada dia.
    Pra isso tá cheio de fiscais nas ruas e rodovias, agora livrar o transporte rodoviários de quadrilhas especializadas em assaltar os ônibus nas rodovias não tem ninguém!!!
    ANTT de merda !!!
    Paizinho de merda!!!

    1. Cabe lembrar que a ANTT não é responsável por fiscalizar transportes de cargas roubadas ou drogas, isso é incumbência da polícia e afins. A ANTT tem como propósito normatizar e fiscalizar o transporte tanto de cargas como o de passageiros para que não vire bagunça e não se torne o país de m…. que vcse referiu.

      A partir do momento que vc vai contra o trabalho da ANTT, vc vai contra a organização dos transportes. Não seria melhor quem pratica o transporte irregular se legalizar? Pense nisso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.