Ônibus Paraibanos

Volkswagen entrega 300 ônibus ao programa Caminho da Escola

Por MAN-LA
Imagem Divulgação

A VW Caminhões e Ônibus acaba de concluir a entrega de 300 ônibus escolares nas regiões Norte e Nordeste do Brasil. Destinados ao programa Caminho da Escola, os veículos distribuem-se nos Estados do Acre, Rondônia, Alagoas, Paraíba e Ceará. Todos os modelos têm a missão de transpor as mais difíceis condições de tráfego e permitir o acesso de estudantes das zonas rurais dessas localidades.

Os modelos que fazem parte desse lote são os Volksbus 8.160 ORE1 e 15.190 ODR, produzidos no centro de desenvolvimento e manufatura da VW Caminhões e Ônibus em Resende (RJ), que retomou suas atividades parcialmente em 27 de abril e opera em dois turnos para atender à demanda de veículos comerciais de forma segura para os colaboradores da fábrica, seguindo todos os protocolos de saúde.

“Mesmo em meio à pandemia, os Estados continuaram firmando pedidos de compra e nos autorizam a entregar os lotes expressivos, preparando-se para o momento de retomada das atividades escolares, para que os estudantes possam ir e vir de forma segura”, comenta Ricardo Alouche, vice-presidente de Vendas, Marketing e Pós-Vendas da VW Caminhões e Ônibus.

No fim do ano passado a VW Caminhões e Ônibus venceu a licitação para venda de 3.600 ônibus ao Caminho da Escola, sendo 1.600 unidades do Volksbus 15.190 ODR ORE3, outras 1.600 unidades do Volksbus 8.160 ODR ORE1 e mais 400 unidades do Volksbus 8.160 OD ONUREA Piso Alto.

A VW Caminhões e Ônibus é líder absoluta no fornecimento de veículos, com mais de 20 mil unidades entregues para o transporte de estudantes nos pontos mais remotos do Brasil. O volume de entregas de ônibus Volkswagen passa da metade do total de entregas em toda a história do programa, criado há doze anos. Não à toa, há muitos números a comemorar: mais de 1 milhão de estudantes já andaram de Volksbus em 5.226 municípios de todo o Brasil – quase a totalidade de cidades brasileiras conta com pelo menos um ônibus Volkswagen como aliado da educação.

Suspensão elevada, que tornou os veículos mais altos para passar por aclives e declives com mais facilidade, é apenas um dos itens de sucesso para a robustez dos ônibus rurais Volkswagen destinados ao Caminho da Escola. Acessibilidade é outro ponto de destaque: dispositivo de poltrona móvel (DPM) equipam 100% dos Volksbus para garantir a acessibilidade para os alunos com mobilidade reduzida.

Sob medida

Os veículos Volksbus 8.160 ODR foram concebidos sob medida para o programa Caminho da escola. O ORE 1 é fornecido com carroceria Neobus TH Way, tração 4×2. O modelo oferece acessibilidade, via DPM (Dispositivo de Poltrona Móvel) e tem capacidade para transportar 29 passageiros.

O modelo 15.190 ORE 3 é o de maior capacidade, 59 pessoas, e fornecido com carroceria Marcopolo Sênior Escolar. Foi projetado para garantir maior conforto e segurança para os estudantes e manutenção mais fácil e menor custo operacional. O veículo tem tração 4×2 e Dispositivo de Poltrona Móvel (DPM).

Já o 8.160 ORUNEA Piso Alto também tem carroceria Neobus TH Way, ar-condicionado, aquecimento, tração 4×2, acessibilidade via DPM (Dispositivo de Poltrona Móvel) e capacidade para transportar 30 alunos.

Especialização no transporte escolar

A linha completa Volksbus destinada ao Caminho da Escola conta com veículos escolares na configuração rural e urbana, na faixa de 8 a 15 toneladas. Dentre os atributos necessários para vencer os trajetos mais difíceis estão suspensões elevadas e reforçadas, pneus de uso misto, eixo dianteiro com viga forjada, balanço dianteiro mais curto, bloqueio no diferencial traseiro, ângulos de ataque e saída maiores, poltronas estofadas e de fácil limpeza, mecanismos contra esmagamento nas portas e ainda dispositivos de poltronas móveis (DPM) que garantem a acessibilidade para os alunos com mobilidade reduzida.

Operado pelo FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação), o Programa Caminho da Escola foi criado em 2007 para renovar e ampliar a frota de veículos escolares, garantir segurança e qualidade ao transporte dos estudantes e contribuir para a redução da evasão escolar, ampliando, por meio do transporte diário, o acesso e a permanência na escola dos estudantes matriculados na educação básica da zona rural das redes estaduais e municipais. O programa também padroniza os veículos de transporte escolar e aumenta a transparência das aquisições.

Compartilhe esta matéria
ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.