Ônibus Paraibanos

Qualquer semelhança com a Itapemirim é mera coincidência…

Por Ônibus Paraibanos
Imagens Divulgação Busscar / Starbus do Occidente / Paulo Rafael Viana

Na última semana, a encarroçadora Busscar divulgou em suas redes sociais, uma imagem de um Vissta Buss com a mesma logomarca que a Viação Itapemirim utilizava em seu extinto serviço Starbus. Fãs e admiradores da empresa capixaba ficaram agitados pensando que fosse alguma novidade para a empresa visto que o carro também tem a cor amarela em sua pintura, semelhante a da Itapemirim, porém de tonalidade diferente.

E com a recente promessa da mudança de layout da Itapemirim, a curiosidade se aguçou ainda mais para saber se o Vissta Buss era realmente da Itapemirim ou de alguma empresa que agrega ônibus nela, tanto que teve gente divulgando que o ônibus seria realmente para a empresa fundada por Camilo Cola.

Em 1996, a Viação Itapemirim investiu US$ 40 milhões na compra de 175 monoblocos Mercedes-Benz O-400RSD para o lançamento do seu novo serviço Starbus que embora as passagens custassem 22% a mais que o serviço convencional e menor que o leito, os ônibus ofereciam padrões superiores de conforto com ar condicionado, oferta de café e água mineral grátis durante todo o percurso. Poltronas com reclinação de 55 ° (Bem próxima ao leito que reclina 65 graus), escadas de acesso (Kneeling), bagageiros mais amplos, banheiros com sistema de pressurização semelhante aos dos aviões e poltronas mais seguras.

Mas na verdade o “Starbus” divulgado pela Busscar pertence a empresa gualtemateca StarBus do Occidente que compõe a MM Corporación da qual fazem parte além da Starbus, as empresas Maya De Oro e Fuente Del Norte. A MM Corporación  é líder no transportes de passageiros da Guatemala, com 60 anos de experiência em viagens tanto nacionais como internacionais para países da América Central como Honduras, Costa Rica, Nicarágua e El Salvador.

A empresa opera linhas a partir da cidade de Guatemala para região da Costa Sur do país e também atua no serviço de transporte de encomendas. Sua frota é composta em quase a sua maioria por veículos com origem no Brasil e até mesmo que fizeram parte da Itapemirim como o monobloco O-400 e até mesmo um Superbus 2, veículo fabricado pela própria Itapemirim a partir dos anos 1980.

Compartilhe esta matéria
ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.