A expansão de uma futura gigante

De Viaje Gontijo
Imagem Acervo Gontijo

A sorte sempre esteve ao lado do Senhor Abílio Gontijo, tanto que em meados de 1975 ele realizou um sonho, expandindo as fronteiras da empresa em um lance no qual a sorte teve papel fundamental. Ganhou em um sorteio promovido pelo DNER (Departamento Nacional de Estradas de Rodagem) o direito de atender a linha: Belo Horizonte x Salvador.

Ainda na década de 70, a Gontijo passou a ligar a capital mineira também a Goiânia, Recife e Campo Grande, firmando sua competência para realizar viagens de longo percurso. A segunda metade da década de 70 foi marcada pela incorporação de várias linhas e empresas pela Gontijo sendo um período de grande aperfeiçoamento técnico e de crescimento da empresa. Com apenas 37 anos no mercado a Gontijo já contava com mais de 300 ônibus em sua frota.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.
Como ficariam os ônibus urbanos da Itapemirim? Relíquias do Museu da Itapemirim O amor pede passagem Busscar El Buss da Auto Viação 1001 Número das vendas e exportações de carrocerias de ônibus – 04/2021 Montagens de modelos com o layout da Nacional e Continental O Apache Vip na frota metropolitana da Grande João Pessoa O Apache Vip na frota municipal de João Pessoa Apache Vip da Util Renovação de frota na Boa Esperança