Ônibus com pintura retrô da Garcia chama atenção nas estradas

Fonte:
Mobilidade em Foco

Matéria
/ Texto: Carlos Alberto Ribeiro

Fotos: Adriano Minervino

Uma
feliz ideia em dois tempos. Primeiro a renomada nacionalmente empresa Viação
Garcia fechou, no dia 25 de julho de 2013, um negócio vultoso quanto aos
valores empregados para a compra de 32 ônibus destinados ao transporte
rodoviário de passageiros, sua expertise principal, já que opera também no
transporte urbano de passageiros. A aquisição resultou em um desembolso de R$
18 milhões, dos quais não foi divulgada a informação da forma de pagamento, a
vista, financiamento, CDC ou Leasing. Também não foi informado se os novos
ônibus seriam todos para aumento de frota ou parte deles ou o todo para
renovação de parte da mesma.

Como sempre, devido aos seus inúmeros fãs e ao carinho que a Garcia dedica a
eles, houve o maior rebuliço nas redes sociais com a notícia, além de que
vários busólogos ficaram a postos para tentar fotografar os novos carros assim
que eles circulassem ou fosse vistos se dirigindo a garagem principal da
empresa. Nas redes sociais foi aquele alvoroço quando as primeiras fotos foram
postadas. Até concurso para escolher qual deveria ser a nova grafia, plotagem e
cor de identificação de frota dos novos ônibus aconteceu na fanpage da empresa
no Facebook. E com participação significativa de internautas.

Os 32 ônibus incorporados tiveram a seguinte configuração: todos com chassis
Volvo, modelo B380R 6 x 2. Quanto as carrocerias, 31 delas foram da Irizar,
modelo i6 e uma da Comil, modelo Campione HD. Quanto a tecnologia embarcada, a
Viação Garcia não se fez de rogada e tampouco em economizar recursos em itens
tão importantes. Freios a disco, ABS, sistema anti-tombamento (ESP), câmbio
automático de última geração da Volvo, I-Shift, tudo foi incorporado. E nos
Irizar i6 a novidade foi o sistema de purificação do ar condicionado ECO3, da
fabricante Hispacold, que produz íons negativos e ozônio em proporções
adequadas e que agem na purificação do ar, combatendo bactérias, mau cheiro,
agentes alérgicos e fungos. Outra função do gás ozônio é ser aromatizante.

Vale ressaltar outro aspecto positivo da compra dos 32 ônibus por parte da
Garcia, que foi a queda da idade média da frota para excelentes dois anos, um
dos melhores índices do Brasil. Atualmente com cerca de 2.319 funcionários, 443
ônibus e com região de abrangência operacional que se estende aos Estados de
São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Mato Grosso do Sul, a diretoria da
companhia de viação sempre se pautou pelo investimento em inovações de ponta,
desde o design de carrocerias até soluções de cunho tecnológico. Tanto esmero
não passa despercebido.

Desde
os seus clientes, público em geral, demais frotistas, até o Poder Público
outorga a Garcia imenso apreço. Basta dizer que, num meio tão competitivo como
o do transporte rodoviário de passageiros, a Viação Garcia foi eleita por três
anos consecutivos, 2003, 2004 e 2005 a melhor empresa do Brasil em uma pesquisa
que mede o grau de satisfação dos passageiros de empresas em todo o território
nacional.

Neste
trabalho feito, a Garcia teve pontuação acima do esperado em um grupo
denominado como Grupo 1. Foram entrevistados mais de 70 mil usuários e a
pesquisa foi coordenada pela Agencia Nacional de Transportes Terrestres (ANTT),
órgão que pertence ao Ministério dos Transportes. E como criatividade parece
que é o que não falta aos colaboradores diretos da renomada empresa do Norte
paranaense, eis que desde novembro do ano passado, um dos 31 novos ônibus
adquiridos da Irizar em julho, recebeu plotagem específica para relembrar e
comemorar os 15 anos da data do primeiro ônibus com carroceria Irizar a rodar
no Brasil.

Era importado da Espanha e montado sobre chassi Volvo B12B 6 x 2, modelo
Century. Para diferenciá-lo dos demais, sua pintura retrô nos remete ao ano de
1998 e a pintura de identificação de frota que a Garcia usava na época. Com
salão de passageiros configurado para operar no serviço Executivo, o novo e
diferente ônibus Irizar i6 da Garcia está, desde novembro, circulando a serviço
da empresa e fazendo grande sucesso nas estradas e rodoviárias por ser único e
despertar a nostalgia dos admiradores da empresa. Assim como o primeiro Irizar
despertou enorme curiosidade há 15 anos atrás, tanto pelo estilo diferente de
tudo o que existia no Brasil em termos de carrocerias rodoviárias quanto pelo
ineditismo do design, o novo i6 desperta a mesma atenção, dessa vez por ser
exemplar único. É a Garcia e a Irizar fazendo história, mais uma vez.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Este conteúdo é protegido.