FINALMENTE: Projeto proíbe o uso de aparelhos sonoros externos nos ônibus de JP

Fonte: Plenário PB
Matéria / Texto: Assessoria Plenário PB
Após receber diversas reclamações de usuários do transporte coletivo de João Pessoa a respeito da poluição sonora produzida por celulares, rádios, cd-player, mp3 e i-pod, o vereador Bira apresentou na Câmara Municipal de João Pessoa um projeto que proíbe o uso de aparelhos sonoros sem o uso de fones de ouvidos nos ônibus da Capital. Inicialmente o projeto foi apresentado em 2010 pelo suplente de vereador Wellando, mas acabou sendo arquivado. Não deixem de ler essa novidade que já está mais que na hora de funcionar!

De acordo com o projeto, fica proibido aos usuários do transporte coletivo a utilização de aparelhos sonoros ou qualquer outra mídia eletrônica no modo “alto-falante” para ouvir música e similares. A prática acima referida somente poderá ser realizada com a utilização de um fone de ouvido, que seja capaz de conter a exteriorização dos níveis sonoros, fazendo com que o som ouvido seja exclusivo do portador do aparelho.
O projeto ainda determina que, o usuário, ciente da norma ainda insistir no seu desrespeito será convidado a se retirar do veículo pelo motorista, o qual só irá retomar a viagem após o cumprimento da lei ou da determinação de descer do veículo.
As empresas prestadoras de serviços de transportes públicos no âmbito do Município de João Pessoa ficam obrigadas a fixar no interior dos seus veículos cartazes visando dar publicidade a presente Lei, com os seguintes dizeres: “Conforme Lei Municipal, fica proibido o uso de aparelhos de som no interior deste veículo, exceto utilizando-se fones de ouvido. Evite constrangimentos”. “Precisamos respeitar a privacidade e individualidade do cidadão. Não é justo que um passageiro seja exposto à poluição sonora durante sua viagem. Quem quiser escutar música no ônibus, que utilize um fone de ouvido”.

2 comentários em “FINALMENTE: Projeto proíbe o uso de aparelhos sonoros externos nos ônibus de JP”

  1. Já estava na hora! Campina Grande deveria fazer o mesmo! Algumas pessoas não têm consiência de que aparelhos sonoros em certos ambientes pode perturbar o sossego alheio. Tais pessoas agem como se fossem as donas do mundo! Gente! Não é assim não! Vamos respeitar nossos irmãos! Se eu gosto de Roberta Miranda, que eu ouça só para mim sem incomodar meu semelhante. Se ela gosta de "Zezé di Camargo & Luciano", se ele curte "Lapada na Rachada", se Fulano gosta de Asa Branca, que todos ouçam suas músicas, mas que haja o respeito com os demais usuários dos coletivos! É um excelente projeto! Só assim os cidadãos terão mais qualidade de vida e maior respeito, por que nós merecemos!

    Cláudio Paradyso – Campina Grande (PB)

  2. PELO AMOR DE DEUS ALGUÉM TEM QUE TOMAR UMA PROVIDENCIA.JÁ CHEGOU AO CÚMULO DO ABSURDO. HJ MESMO EU TIVE QUE DESCER DO MEU ONIBUS PQ EU NAO AGUENTAVA MAIS O BARULHO DE MUSICA DENTRO DO ONIBUS. E O PIOR desci PEGUEI UM ALTERNATIVO E DENTRO DELE FOI DA MESMA FORMA. TINHA MAL EDUCADOS OUVINDO SOM ALTO. CHEGA, CHEGA, CHEGA…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.
Montagens de modelos com o layout da Gontijo Um clássico com as cores do Flamengo São Paulo X Teresópolis com a Viação Águia Branca Dream Bus da Itapemirim em SP e Curitiba O ônibus da capa de Girl From Rio O último Citmax do sistema de Natal Apache Vip da FAOL no “Diretão” do BRT Rio O último Ciferal Líder do intermunicipal paraibano Ideale da Solazer Viaggio da Expresso Recreio