Eu era assim, estou assim: Flecha Azul da Defensoria Pública da Paraíba

Por Ônibus Paraibanos
Imagens Paulo Rafael Viana
/ Edden Brito

No início de 1982, a Ciferal se encontrava em processo de falência e a encarroçadora carioca era principal fornecedora de ônibus da Viação Cometa. Com isso, a empresa paulista decidiu construir seus próprios ônibus e para isso criou a Companhia Manufatureira Auxiliar – CMA.

Seu primeiro ônibus foi batizado de Flecha Azul e sua carroceria idêntica ao Ciferal Dinossauro – modelo inspirado nos antigos GM Coach, operados pela Cometa na década de 50 e desenvolvido pela Ciferal a pedido da transportadora.

Os veículos sempre foram equipados com o chassis fabricados pela Scania, iniciando com o modelo BR116 e e posteriormente sobre K112, K113 e K124.

Foram produzidas 8 versões do Flecha Azul, do I ao VIII, de 1983 a 1999.

E um desses Flechas da Cometa veio parar na frota da Defensoria Pública do Estado da Paraíba, que o utilizava com uma defensoria móvel itinerante.

Fabricado em 1991 3 com chassi do modelo K113 da Scania, provavelmente esse Flecha possa ter sido fruto de alguma apreensão e posteriomente repassado ao Governo do Estado da Paraíba. Sua placa era da cidade Rondonópolis, no Mato Grosso.

Seu último registro fotográfico foi na cidade de Anápolis, Goiás, já descaracterizado no ano passado. Apesar de ter sido fotografado bem longe da Paraíba, seu emplacamento ainda continua no estado, mais precisamente na cidade do Conde.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.