Mais de 15 mil passageiros devem viajar a partir do Terminal Rodoviário de Belém

Por Diário on line
Imagem Divulgação


A procura por passagens para viagens no período de Réveillon movimenta o Terminal Rodoviário de Belém. As vendas antecipadas começaram no início do mês, segundo funcionários das empresas de ônibus, e as vendas se intensificaram desde o último dia 20, quando foi paga a segunda parcela do décimo terceiro salário. No Pará, o destino mais procurado é Marudá, nordeste do Estado.

Os bilhetes para os dias 30 e 31 já esgotaram e as empresas estão vendendo passagens para os ônibus extras que irão atender a demanda. A Sociedade Nacional de Apoio Rodoviário e Turístico (Sinart), empresa que administra a rodoviária, estima que 15 mil passageiros sigam viagem partindo do Terminal, em São Brás.

Uma boa notícia é que não houve reajuste da tarifa para as viagens intermunicipais em 2020. O último aumento no preço das passagens autorizado pelo Governo do Estado, por meio da Agência de Regulação e Controles de Serviços Públicos do Estado do Pará (Arcon/PA), ocorreu em novembrodo ano passado.

Em contrapartida, as viagens para outros estados estão mais caras, segundo o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese/PA). Uma pesquisa recente apontou que os bilhetes para viagens interestaduais estão 5% mais caros, quando comparados com o mesmoperíodo do ano passado.

Para as viagens interestaduais, o destino mais procurado neste fim de ano está sendo São Luis (MA). As empresas de ônibus que fazem linha para a capital maranhense informaram que as passagens (Belém/São Luís) para o dia 30 esgotaram e que já estão vendendo os bilhetes para o ônibus extra que irá atender a demanda neste dia.

Durante os dias de Natal, o movimento também foi intenso nos guichês das cooperativas de vans que fazem viagens intermunicipais. O detalhe é que neste segmento não há venda antecipada de passagens.

Para Mosqueiro, distrito de Belém, as cooperativas de vans começaram a vender passagens para o fim de ano desde o início do mês. Por enquanto, as entidades não falam em veículos extras, mas informam que a procuraestá maior para o dia 30.

Preços Passagens

Abaetetuba: R$ 27,00

Bragança: R$ 47,50

Cametá: R$ 65,00 (com a travessia de balsa)

Capanema: R$ 38,00

Castanhal: R$ 15,85

Colares: R$ 25,50

Mosqueiro: R$ 5,80 (ônibus urbano) e R$ 12,00 (ônibus da linha regular)

Marabá: R$ 90,00 (a partir deste valor)

Salinópolis: R$ 47,50

São Caetano de Odivelas: R$ 27,10

Tucuruí: R$ 95,00 (diurno) e R$ 103,00 (noturno)

Vigia: R$ 23,33

Marudá: R$ 37,00.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.
Como ficariam os ônibus urbanos da Itapemirim? Relíquias do Museu da Itapemirim O amor pede passagem Busscar El Buss da Auto Viação 1001 Número das vendas e exportações de carrocerias de ônibus – 04/2021 Montagens de modelos com o layout da Nacional e Continental O Apache Vip na frota metropolitana da Grande João Pessoa O Apache Vip na frota municipal de João Pessoa Apache Vip da Util Renovação de frota na Boa Esperança