Ônibus Paraibanos

Grande Recife inicia recuperação de 25 Estações de BRT vandalizadas na pandemia

Por Grande Recife
Imagens
JC Barboza

Dezenove Estações de BRT do Corredor Norte/Sul e seis do Leste/Oeste começam a ser recuperadas a partir da próxima segunda-feira (16). Estes espaços foram danificados por atos de vandalismo, depredação e furtos durante a pandemia da Covid-19, o que prejudicou a plena operação destes equipamentos. Os serviços iniciam pelas Estações Guararapes, Nossa Senhora do Carmo e Araripina simultaneamente com previsão de ficarem fechadas por até quatro dias.

Ao todo, estão sendo investidos R$ 1.225.996,66 na recomposição do forro, estruturas, portas, catracas e quadro elétrico, colocação de nova fiação e reposição dos vidros. Enquanto durarem os trabalhos, os passageiros do Corredor Leste/Oeste terão sempre como opções as Estações anterior e posterior àquela que está sendo recuperada. Já no Corredor Norte/Sul, por enquanto, os usuários continuam sendo atendidos por linhas operadas por ônibus convencionais e articulados que fazem o embarque e desembarque nas paradas localizadas nas calçadas.

A previsão que todo o trabalho nas 25 Estações de BRT seja concluído até o dia 14 de dezembro. Serão recuperadas as seguintes Estações:

Corredor Leste/Oeste – Guararapes, Abolição, Benfica, Forte do Arraial, Engenho Poeta e Barreiras.

Corredor Norte/Sul – Araripina, Nossa Senhora do Carmo, Tacaruna, Treze de Maio, IEP, Riachuelo, Mauricio de Nassau, Ismo do Recife , Forte do Brum, Santa Casa de Misericórdia, Praça da República, Kennedy, Mathias de Albuquerque, Bultrins, Jupirá, São Salvador do Mundo, Hospital Central, José de Alencar e Cruz de Rebouças.

RETROFIT DE TERMINAIS INTEGRADOS E ESTAÇÕES DE BRT – está em andamento no Grande Recife Consórcio outra licitação, no valor de R$ 7.586.227,63, para o retrofit de 13 terminais integrados e 20 estações de BRT. O processo está em fase de análise da documentação das empresas que participam da licitação. Após a assinatura da ordem de serviço, a previsão é que este novo serviço seja concluído em 180 dias. O retrofit consiste na melhoria, adequações e manutenções de instalações já existentes com o objetivo de aperfeiçoá-las, tornando-as mais seguras e confortáveis aos usuários.

No caso das Estações de BRT, R$ 5.348.262,32 serão investidos na requalificação do piso e da coberta, colocação de lâmpadas de LED, piso tátil, defensas e guarda-corpos, serviços de pintura e sinalização. Já nos TIs, serão investidos R$ 2.237.965,31 na recuperação das pistas de rolagem dos ônibus, telhados e calhas, requalificação dos banheiros, sistema elétrico e caixa d´água, conserto e limpeza das galerias.

Estações que passarão pelo retrofit no Corredor Leste/Oeste: Barreiras, Engenho Poeta, Forte do Arraial, Benfica, Abolição e Guararapes.

Estações que passarão pelo retrofit no Corredor Norte/Sul: Maurício de Nassau, Nossa Senhora do Carmo, Praça da República, Riachuelo, Treze Maio, IEP, Araripina, Santa Casa de Misericórdia, Tacaruna, Kennedy, Mathias de Albuquerque, Bultrins, Jupirá e José de Alencar.

Terminais Integrados que passarão pelo retrofit: Abreu e Lima, Cabo, Caxangá, Getúlio Vargas, Igarassu, CDU, Macaxeira, PE-15, Pelópidas Silveira, Rio Doce, Santa Rita* e Xambá.

*não é terminal integrado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.