Ônibus Paraibanos

Passe Legal é usado por 87% dos passageiros de ônibus em João Pessoa

Por Portal Correio
Imagem JC Barboza

O Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de João Pessoa (Sintur-JP) constatou que 87% dos passageiros de ônibus já pagam passagem com o cartão Passe Legal na Capital.

O pagamento com o cartão evita o contato que ocorre entre os operadores e os passageiros quando a passagem é paga em dinheiro. O Sintur-JP informou que tem reforçado a recomendação para uso da bilhetagem eletrônica, que diminui os riscos de contágio do coronavírus.

13% ainda pagam em dinheiro

O sindicato levantou que desde julho deste ano, 13% dos passageiros transportados por mês ainda pagam a passagem em dinheiro. Para o Sintur-JP, esse percentual precisa ser reduzido.

“O Passe Legal é de uso pessoal, fácil de higienizar e contribui na prevenção ao contágio do coronavírus. Além disso, o cartão oferece uma grande vantagem para os passageiros: a possibilidade de pegar dois ônibus pagando uma única passagem”, diz o Sintur-JP.

Integração

Hoje, o sistema de integração de João Pessoa funciona por meio do uso do Passe Legal. Com o cartão, os passageiros conseguem integrar em qualquer parada de ônibus da Capital. O tempo para realizar a integração é a soma de 50% do tempo de viagem da linha mais 60 minutos. Como a linha mais curta em operação, a 109, tem uma viagem de 40 minutos, então o tempo mínimo ficou em 80 minutos, que corresponde aos 20 minutos da metade da viagem da linha 109 mais uma hora.

De acordo com o Sintur-JP, existem apenas três situações em que não é permitido integrar. A primeira é entre linhas circulares, que são as de quatro dígitos; a segunda é entre linhas que saem do mesmo terminal de bairro; e a terceira é utilizar a mesma linha para ir e voltar.

“Para facilitar a vida de quem ainda não é usuário do Passe Legal e deseja fazer o cartão, o sindicato tem um canal de atendimento no WhatsApp. Por meio do número 83 99986-0045 dá para solicitar e receber o Passe Legal em casa”, informou o Sintur-JP.

Compartilhe esta matéria

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.