Ônibus Paraibanos

Volvo e Marcopolo exportam mais 20 ônibus articulados para BRT da Guatemala

Por Volvo
Imagens Divulgação

Implantado em 2007, o Transmetro segue o conceito de BRT de diversas cidades do continente, que investem em sistemas de ônibus de grande capacidade para melhorar a mobilidade urbana. “Como especialistas em articulados e biarticulados, desde o início estamos presentes no Transmetro. Os chassis Volvo têm o melhor projeto para BRTs, com tecnologia de ponta, robustez incomparável, segurança e alta disponibilidade” afirma Fabiano Todeschini, presidente da Volvo Buses Latin America. “Ao longo destes anos, alguns veículos Volvo atingiram a marca de 2 milhões de km sem intervenções internas no motor”, assegura.

Os novos veículos do Transmetro são do modelo Volvo B340M articulado, com motorização Euro 5, padrão de emissões acima do exigido pela legislação da Guatemala. Eles se somam a dezenas de articulados e biarticulados da marca já em operação no sistema. “Com as novas entregas serão 116 Volvo rodando no BRT, com 57% de participação da marca na frota de veículos pesados da cidade”, diz Alexandre Selski, diretor de vendas estratégias e responsável pelos importadores da Volvo Buses na América Latina.

Os veículos estão equipados com carroceria Marcopolo Viale BRT, com capacidade para 180 passageiros.

BRT em evolução

Os novos Volvo entrarão em operação na Cidade da Guatemala em setembro e vão circular num dos mais prósperos BRTs da América Latina. Dos 11 km iniciais em 2007, hoje o sistema cobre toda a capital em mais de 120 km de vias. São 350 ônibus (incluindo os veículos de menor capacidade), divididos em 7 linhas (2 linhas exclusivas para veículos de grande capacidade e 5 linhas mistas), 79 estações de embarque/desembarque e 8 terminais de integração entre linhas. A frequência dos ônibus varia de 8 a 12 minutos, em média.

A cidade tem 2,5 milhões de habitantes, dos quais cerca de 415 mil acessam o sistema de ônibus diariamente.

Entrega técnica virtual

Em meio às restrições de viagem impostas pela pandemia Covid19, a entrega técnica à Empresa Municipal de Transportes (EMT), operadora dos veículos, teve que ser feita à distância, de forma virtual. “Fizemos uma videoconferência para apresentar em detalhes toda a funcionalidade dos ônibus, em parceria com o encarroçador. Foi um processo muito rico, tanto para nós como para os clientes, que puderam checar com segurança que todas as exigências técnicas da licitação foram atendidas”, atesta Tiago Mondoni, gerente comercial da Volvo responsável pelo mercado daquele país. Quando em operação, os ônibus terão cobertura de planos de manutenção Volvo, por meio da Tecun, importador da marca na Guatemala. “Atualmente temos contrato de manutenção para toda a frota Volvo”, assegura Luis Pedro Sánchez, encarregado pela comercialização da marca no pais.

Liderança em BRT

Os chassis Volvo B340M articulados possuem motor central, abaixo do piso, o que garante mais espaço no salão, mais silêncio e conforto para motoristas e passageiros. Os veículos têm sistema de freios eletrônicos, oferecendo alta segurança, e tecnologia de “torque on demand”, que garante alto desempenho com baixo consumo de combustível mesmo transportando elevado número de passageiros. “Nossos veículos são especialmente projetados para operações BRT. Por isso somos líderes absolutos em articulados e biarticulados na América Latina, com mais de 50% de participação na frota desse tipo de veículo no continente”, finaliza Fabiano Todeschini.

Além da Cidade da Guatemala os articulados Volvo circulam nos principais sistemas de transporte de grandes metrópoles latinas como Bogotá, São Paulo, Rio de Janeiro, Goiânia, Curitiba, Santo Domingo, San Salvador, Quito, Cidade do México, Guayaquil, Manaus, Belo Horizonte, Porto Alegre, Recife, Cali, Bucaramanga e Santiago.

Compartilhe esta matéria

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.