Ônibus Paraibanos

Prefeitura de João Pessoa faz acordo com empresas do transporte público e antecipa compra de crédito de passagens para evitar demissões

Por Prefeitura Municipal de João Pessoa
Imagem JC Barboza

O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, anunciou, na manhã desta sexta-feira (17), um acordo junto ao Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de Passageiros no Município de João Pessoa (Sintur-JP), com o objetivo de evitar demissões e garantir a qualidade do transporte à população após a pandemia do novo coronavírus.

Para garantir o pagamento do salário dos 2.200 profissionais (motoristas, cobradores, despachantes, entre outros) a gestão municipal fará uma antecipação de compra de crédito para passagens. “A Prefeitura de João Pessoa é responsável pelo pagamento da passagem de algumas categorias e vamos realizar a compra desse crédito de forma antecipada para que as empresas tenham receita suficiente para bancar a folha de pessoal”, explicou o prefeito Luciano Cartaxo.

Entre as categorias que tem a passagem bancada pela Prefeitura de João Pessoa estão os servidores beneficiados com Vale Transporte, estudantes da Rede Municipal de Ensino que recebem o Passe-Livre e pessoas com HIV. A antecipação dos créditos será compensada, gradualmente, quando houver o retorno do serviço.

O transporte coletivo da Capital transporta cerca de 170 mil passageiros diariamente, aglomeração que poderia ampliar a proliferação da Covid-19. Por essa razão, a gestão municipal decidiu suspender as atividades, garantindo o transporte a profissionais de saúde no período de ida e volta de seus expedientes.

De acordo com novo decreto municipal publicado nesta sexta (17), ações preventivas ao coronavírus serão prorrogadas até o dia três de maio. Isso inclui o fechamento de estabelecimentos, a suspensão de aulas em instituições do Município e a paralisação do amplo atendimento do transporte público.

Compartilhe esta matéria
ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.