Mais de 1,5 mil cartões são bloqueados por uso irregular

Dado é do Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano (Sintur-JP)

Por Ônibus Paraibanos
Imagens JC Barboza

Os números de bloqueios de cartões do Passe Legal por acessos irregulares em João Pessoa voltaram a crescer, de acordo com o Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano (Sintur-JP).

No último levantamento, referente ao mês de novembro, foram analisados 1.576.780 acessos nos ônibus que circulam na capital. Deste total, 7.983 passaram por auditoria, que constatou que 1.829 eram irregulares, o que corresponde a prática de pessoas utilizando o cartão Passe Legal de terceiros. Esses números levaram ao bloqueio de 1.593 cartões no mês passado – sendo 1.430 de estudantes e 163 de gratuidade. No mês de outubro, apenas 216 passageiros tiveram o Passe Legal bloqueados.

De acordo com o Sintur-JP, quem teve o cartão bloqueado precisa comparecer à sede do sindicato, que fica na Rua 13 de Maio, Centro, João Pessoa. Lá, o usuário é notificado e refaz seu cadastro para conseguir um novo cartão. Em caso de reincidência, ele fica bloqueado para utilizar o cartão por 30 dias e, se voltar a reincidir, por 180 dias.

Segurança reforçada

Desde a implantação da biometria facial, que facilita a identificação de fraudes na bilhetagem dos ônibus, o Sintur-JP vem acompanhamento mensalmente a eficácia do sistema junto aos centros de operações das empresas. A biometria facial contempla estudantes e passageiros que têm direito à gratuidade, ou seja, usuários do transporte público que possuem algum tipo de benefício na passagem.

Compartilhe esta matéria
ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.