Punição a Trans Brasil é mantida

Por Ônibus Paraibanos
Imagem Paulo Rafael Viana

A Transporte Coletivo Brasil, razão social da empresa de ônibus Trans Brasil, teve mantida a Declaração de Inidoneidade de acordo com a deliberação nº 631, de 4 de setembro de 2018.

A empresa solicitou junto a ANTT a reconsideração da Resolução nº 5.686 de 25 de janeiro de 2018 que determinou a aplicação da pena de Declaração de Inidoneidade à empresa pelo prazo de 4 (quatro) anos, em conformidade com os §§ 1º e 5º do artigo 36 e artigo 86, inciso VI, ambos do Decreto nº 2.521, de 20 de março de 1998, c/c o artigo 78-A, inciso V, da Lei nº 10.233, de 5 de junho de 2001.

O Decreto nº 2.521, de 20 de março de 1998 dispõe sobre a exploração, mediante permissão e autorização, de serviços de transporte rodoviário interestadual e internacional de passageiros e dá outras providências.

O que diz o Artigo 86?

A penalidade de declaração de inidoneidade da transportadora aplicar-se-á nos casos de:

I – permanência, em cargo de sua direção ou gerência, de diretor ou sócio-gerente condenado, por decisão transitada em julgado, pela prática de crime de peculato, concussão, prevaricação, contrabando e descaminho, bem assim contra a economia popular e a fé pública;

II – apresentação de informações e dados falsos, em proveito próprio ou alheio ou em prejuízo de terceiros;

III – infringência aos artigos 22 e 23 deste Decreto;

IV – cobrança de tarifa superior à estabelecida no contrato;

V – prática de abuso do poder econômico ou infração às normas de defesa da concorrência;

VI – prática de serviço não autorizado ou permitido.

Parágrafo único. A declaração de inidoneidade importará a caducidade da permissão da linha onde se verificou o abuso do poder econômico ou a infração à norma de defesa da concorrência.

Parágrafo único. A declaração de inidoneidade importará a caducidade da permissão. (Redação dada pelo Decreto nº 8.083, de 2013)

IMG_1641

O que é a declaração de inidoneidade?

A declaração de inidoneidade é pena grave imputada à pessoa física ou jurídica que demonstrou não possuir condições de contratar com o Poder Público. Por razões definidas no ato administrativo que atribuiu a sanção, o infrator evidenciou desvio de conduta que não o permite participar de certames licitatórios promovidos pela Administração Pública e tampouco contratar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Vissta Buss 360 da 1001 Torino da Turp Transporte Viação Águia Branca estreia o Marcopolo G8 Apache Vip V da Transportes Flores Apache Vip IV da Auto Viação Vera Cruz Viação Águia Branca recebe os primeiros Marcopolo G8 Apache Vip IV da Viação Araçatuba Novos chassis rodoviários Volvo para longas distâncias Apache Vip IV com a nova identidade da N.S. Penha As novidades da Opção Número das vendas e exportações de carrocerias de ônibus – 07/2021 Apache Vip V da 1001