Depois de saída de ônibus, população reclama do preço alto na tarifa de táxi e mototaxi em Patos

Por Patos on line
Imagem Lenílson Pessoa

9b8afbb3d745db62373dd911d57d0866

A retirada da única empresa que prestava serviço de transporte público coletivo aqui em Patos ainda continua causando muita repercussão. Agora alguns trabalhadores patoenses estão reclamando do preço da tarifa cobrada por alguns taxistas e mototaxistas da cidade.

No final da manhã desta quarta-feira (07/02) para o início da tarde, o debate sobre esse tema foi intenso no grupo de whatsapp – Patosonline.com. Alguns participantes, que residem nos bairros Bivar Olinto, Vila Teimosa, Geralda Medeiros (setor oeste da cidade), estão reclamando que os taxistas estão cobrando R$ 2,50 (dois reais e cinquenta centavos) por corrida, enquanto alguns mototaxistas querem agora R$ 5,00 (cinco reais) para fazer o transporte do Bivar para o Mercado Público.

A queixa é em comparação ao valor que vinha sendo cobrado (2 reais taxi e 3 reais mototaxi), mas que alguns subiram de forma rápida e espontânea depois que a empresa deixou de prestar o serviço.

No grupo (de whatsapp), alguns colocam a culpa da saída da empresa no prefeito de Patos, Dinaldinho. Já outros acusam o próprio usuário da cidade de não ter feito o uso do serviço oferecido pela TransBraz (empresa prestadora do serviço de coletivo), e por isso causadores da interrupção na prestação do serviço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *