Marcos da Silva surpreende e traz a Scania de volta ao sistema pessoense após mais de uma década

Por Josivandro Avelar
Imagem Heron Júnior

Menos de uma década depois, a Scania está de volta ao sistema de João Pessoa. A responsável pelo retorno do chassi sueco à frota pessoense foi a Marcos da Silva, que adquiriu pelo menos 4 unidades que pertenceram a Itamaracá Transportes, de Abreu e Lima-PE.

Até dias atrás, ninguém poderia imaginar que o chassi F230 da Scania estaria rodando em João Pessoa. Agora isso é realidade. A primeira unidade a entrar em circulação foi a de número 09119, um CAIO Apache Vip II, a segunda unidade do modelo na empresa e o primeiro do mesmo modelo a possuir outro chassi que não seja o da Mercedes-Benz no sistema.

A unidade é alongada e possui três portas, sendo a do meio equipada com elevador para cadeirantes, além de letreiro eletrônico frontal da FRT de cor branca.

Manter uma Scania não será problema na Marcos da Silva. A empresa pertence a mesma administração da Max Turismo, que possui várias unidades Scania em sua frota.

pode matar a saudade!

A Marcos da Silva volta a ter Scania na frota após quase 20 anos da desativação de sua última unidade. A empresa possuiu unidades do F113HL na segunda metade da década de 1990, estas encarroçando Torino LN, da Marcopolo. Além delas, ainda operou com o chassi S112, com a mesma carroceria. As unidades foram desativadas entre 1997 e 1999, deixando saudades.

A última unidade Scania do sistema municipal a ser desativada foi da Boa Viagem (hoje Santa Maria), em 2004. A empresa operava com 2 Vitórias e 2 Alphas, e antes disso também teve GLS Bus da Ciferal. A Transnacional e a Reunidas já teve chassis da marca, sob Torino LN e GV, sendo os últimos desativados em 2001. A antiga Transurb possuiu os modelos de motor traseiro e dianteiro da sueca, sob Vitória e GLS Bus, sendo os últimos a passarem pela transição para a São Jorge, sendo desativadas em 2003. E por fim a antiga Boa Vista teve Scania traseiro – Vitória e Padron Rio – e dianteiro – Urbanuss – estes últimos desligados da frota em 2002.

A frota intermunicipal teve Scania nas frotas da Santa Rita, Almeida e Wilson sob Torino LN e Urbanuss. As empresas de Bayeux prolongaram a circulação deles ao máximo. A última unidade a ser desativada foi o 5515, Busscar Urbanuss encarroçado no chassi F94HB, retirada praticamente no apagar das luzes da Metro, no final de 2016 – lembrando que foi o último da intermunicipal.

Mas isso é história pra outra matéria. O que importa é que a Scania está de volta ao sistema de João Pessoa.

5 comentários em “Marcos da Silva surpreende e traz a Scania de volta ao sistema pessoense após mais de uma década”

  1. Puxa, nem acredito que a Scania está de volta! Eu nunca tive o prazer de andar em um Scania urbano! Claro, sou de 2003, e não alcancei a época deste chassi na cidade, infelizmente. Apenas passando minha infância em Viales e Torinos Mercedes…

    1. De lembrar mesmo, só peguei as Scanias que tinha em Bayeux, na Wilson e na Almeida, ambas extintas. Já andei nessas Scanias que estão na Marcos da Silva também aqui Recife.

  2. enquanto aqui em PE, só tem essas merdas de MB VW parece que os empresários daqui só tem essas porcarias para comprar, vou sentir saudades dessas scanias gostava muito de andar nelas, só não entendo por que a ITA desativou elas por serem alongadas precisa de mais alongados e ficou só com os pequenos da volks essas merdas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.
Busscar Vissta Buss DD da Auto Viação Catarinense A nova linha Marcopolo G8 Paradiso DD Rota Transportes com soluções Marcopolo BioSafe Número das vendas e exportações de carrocerias de ônibus – 06/2021 O novo Apache Vip Os raros El Buss da Gontijo Como ficariam os ônibus urbanos da Itapemirim? Relíquias do Museu da Itapemirim O amor pede passagem Busscar El Buss da Auto Viação 1001 Número das vendas e exportações de carrocerias de ônibus – 04/2021 Montagens de modelos com o layout da Nacional e Continental