MP suspende temporariamente decisão sobre cobrança de passagem de ônibus em Campina Grande

De Click PB
Imagem 

3042

Um acordo entre  o Ministério Público da Paraíba e o Conselho Municipal de Transportes Públicos de Campina Grande impediu que  os ônibus urbanos de Campina Grande passem a recusar dinheiro durante a noite. A medida, que entraria em vigência a partir de 1º de janeiro de 2018, foi suspensa até o dia 17 quando haverá nova audiência para discutir a questão.

A medida foi anunciada pela STTP, que a partir de janeiro pretendia exigir o uso de cartão eletrônico pelos passageiros no período noturno. “A determinação do Conselho de adotar apenas a cobrança em cartão eletrônico durante a noite feria o Art. 39 do Código do Consumidor”, disse o promotor de Justiça Sócrates Agra.

Pela orientação do Conselho de Transporte Público, o sistema de ônibus de Campina Grande iria receber somente bilhetagem eletrônica a partir das 20h. A intenção era impedir assaltos aos veículos que operam na cidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.
Busscar Vissta Buss DD da Auto Viação Catarinense A nova linha Marcopolo G8 Paradiso DD Rota Transportes com soluções Marcopolo BioSafe Número das vendas e exportações de carrocerias de ônibus – 06/2021 O novo Apache Vip Os raros El Buss da Gontijo Como ficariam os ônibus urbanos da Itapemirim? Relíquias do Museu da Itapemirim O amor pede passagem Busscar El Buss da Auto Viação 1001 Número das vendas e exportações de carrocerias de ônibus – 04/2021 Montagens de modelos com o layout da Nacional e Continental