Deficientes terão direito à biometria cadastrada

De Mais PB
Imagem JC Barboza

IMG_4388

O Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de Passageiros de João Pessoa (Sintur-JP) inicia, na próxima segunda-feira (23), uma atualização cadastral dos usuários de transporte público, que são portadores de deficiência.

A partir do dia 02 de dezembro, o acesso aos ônibus só será possível utilizando o novo sistema.

Com a atualização cadastral, as pessoas com deficiência, que possuem gratuidade no transporte público, passarão a utilizar o sistema biométrico e poderão acessar os ônibus, normalmente, pela porta dianteira, bastando passar seu próprio cartão e fazer a leitura biométrica.A ação ocorrerá em parceria com a Fundação Centro Integrado de Apoio ao Portador de Deficiência (Funad),

“O principal objetivo é garantir o direito ao transporte coletivo a quem o tem, atendendo à antigo pleito das pessoas com deficiência, conferindo-lhes autonomia e cidadania. Com o acesso pela porta dianteira, sem precisar se submeter a se identificar a mais ninguém, o próprio deficiente vai entrar, passar o seu cartão no validador e fazer a leitura biométrica. Para cadeirantes continuará valendo a entrada pela porta do meio dos ônibus”, explica o diretor de Relações Institucionais do Sintur-JP, Isaac Júnior Moreira

O recadastramento será feito na Funad, no bairro Pedro Gondim, de segunda a sexta, das 8h às 17h. A atualização será feita por ordem alfabética e o beneficiário deve ir pessoalmente portando identidade, CPF e o cartão de cadastro anterior, que será trocado na hora pelo novo cartão eletrônico, com foto e biometria.

Atualmente, o sindicato tem mais de 12.500 mil pessoas com deficiência registradas como usuárias de ônibus. Segundo Isaac, a expectativa é que com a atualização dos dados, eventuais inconsistências nas informações sejam corrigidas .

De acordo com o Sintur-JP, há casos em que pessoas com deficiências temporárias acabam adquirindo o direto a utilizar o transporte público sem custo e quando se recuperam não procuram o sindicato para excluir o cadastro.

“A ideia é garantir o direito àqueles que realmente o tem, sem sufocar o sistema, sendo injustos com os que pagam as passagens”, afirma Isaac.

Confira o calendário para atualização cadastral:

De 23 a 27 de outubro – usuários com iniciais A, B, C e D.
De 30 de outubro a 03 de novembro – usuários com iniciais E, F e G.
De 06 a 10 de novembro – usuários com iniciais H, I, K, L, N, O, P, Q e R.
De 13 a 17 de novembro – usuários com iniciais J.
De 20 a 24 de novembro – usuários com iniciais M.
De 27 de novembro a 01 de dezembro – usuários com iniciais S, T, U, V, W, X, Y e Z.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.
A nova linha Marcopolo G8 Paradiso DD Rota Transportes com soluções Marcopolo BioSafe Número das vendas e exportações de carrocerias de ônibus – 06/2021 O novo Apache Vip Os raros El Buss da Gontijo Como ficariam os ônibus urbanos da Itapemirim? Relíquias do Museu da Itapemirim O amor pede passagem Busscar El Buss da Auto Viação 1001 Número das vendas e exportações de carrocerias de ônibus – 04/2021 Montagens de modelos com o layout da Nacional e Continental O Apache Vip na frota metropolitana da Grande João Pessoa