3 anos depois, enfim o último dos 4 Svelto da Mandacaruense começa a rodar

De Ônibus Paraibanos
Por Josivandro Avelar
Imagens Jefferson José

A Mandacaruense enfim conseguiu concluir a reforma do último dos 4 Svelto 2008 que haviam sido adquiridos da Auto Viação Santa Cruz, tendo rodado antes na extinta Metro. Enquanto o carro 04015 estava na garagem da empresa numa reforma que parecia interminável, outros ônibus chegaram na empresa (e saíram também), a padronização do Consórcio Navegantes começou, a Metro fechou e 3 linhas da Mandacaruense foram assumidas pela Marcos da Silva. Mas enfim, depois de tudo isso, o 04015, numeração que o veículo recebeu, está na rua.

O veículo recebeu a padronização do Consórcio Navegantes, porém enquanto esteve na reforma, chegou a receber a pintura da Mandacaruense, com a qual nunca rodou. O veículo possui três portas, tinha chegado com elevador, mas como ele apresentou problemas, a empresa optou por retirá-lo e instalar uma nova escada. Além disso, o vidro traseiro foi substituído por uma chapa.

Ex-288 da extinta Auto Viação Santa Cruz, de Jaboatão dos Guararapes-PE e ex-5503 da também extinta Metro, o veículo foi comprado junto a outros três que a Metro devolveu aos proprietários – que por sua vez revenderam essas unidades para a Mandacaruense há exatos 3 anos. Um detalhe interessante é que as unidades foram compradas quando a Metro tinha apenas 8 meses de vida. Hoje a empresa foi fechada e os ônibus que ainda sobraram, desativados.

Os 4 Sveltos 2008 adquiridos se tornaram, na sequência em que ficaram prontos, 0419, 04067, 0441 e 04015. O 0419 foi o primeiro a ser entregue e teve o posto de cobrador passado da dianteira para a traseira, porém foi reinvertido depois que a empresa passou a adotar o embarque dianteiro. O segundo foi o 0467 que também chegou a ser invertido e posteriormente reinvertido, e em seguida foi repintado para o padrão do Consórcio Navegantes. O terceiro foi o 0441 que já entrou em operação com o modelo atual de embarque e com o letreiro lateral ao lado da porta dianteira. E o último, o 04015, entregue hoje.

A Mandacaruense está aproveitando a sobra de frota – uma vez que cedeu três linhas para a Marcos da Silva – para arrumar a frota que já roda e incluir mais unidades. A empresa opera atualmente as linhas 503, 504 e 602 de forma integral, e as linhas 1001 e 604 de forma compartilhada – a primeira com a São Jorge e a segunda com a Marcos da Silva. Ontem (6), carros da Mandacaruense operaram a linha 505, que durante a semana foi operada integralmente pela Marcos da Silva. A empresa do Altiplano está dando suporte às operações da Mandacaruense, possibilitando que todas as linhas operadas por ela rodem sem reduções de carros e horários, minimizando eventuais transtornos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.
Como ficariam os ônibus urbanos da Itapemirim? Relíquias do Museu da Itapemirim O amor pede passagem Busscar El Buss da Auto Viação 1001 Número das vendas e exportações de carrocerias de ônibus – 04/2021 Montagens de modelos com o layout da Nacional e Continental O Apache Vip na frota metropolitana da Grande João Pessoa O Apache Vip na frota municipal de João Pessoa Apache Vip da Util Renovação de frota na Boa Esperança