Biarticulado a gás natural passa por testes

De Revista Auto Bus
Imagem Divulgação

dsc_0003-info

A capital colombiana Bogotá serviu de laboratório de campo para o mais novo chassi biarticulado da Scania. O veículo, equipado com um motor a gás natural/biometano, passou por testes e avaliações em condições reais de operação no sistema Transmilenio, quando foram medidas a capacidade de arranque em pistas íngremes, consumo de combustível e emissões de poluentes. De acordo com a montadora, equipes da Gas Natural Fenosa, fornecedora do combustível, e da Universidad Nacional de Colombia, acompanharam todas as provas operacionais, constatando que a tecnologia utilizada no veículo reduz em muito as emissões de gases tóxicos.

Bogotá é um excelente lugar de testes para novas tecnologias, pois está localizada a 2.600 metros de altura, com baixa pressão atmosférica e conta com trânsito pesado e paradas em grandes ladeiras. A Scania destaca que seu motor a gás, com a tecnologia que atende a norma Euro 6, atinge uma redução de mais de 90% de emissões de material particulado, óxidos de nitrogênio e 32% de dióxido de carbono, que são os principais contaminantes do ar e causadores do aquecimento global. “A tecnologia da Scania de motores Euro 6 a gás traz duas vantagens técnicas muito importantes: a primeira é que está preparada para trabalhar em altitude, sendo uma excelente opção para o plano de avanço tecnológico de Bogotá e para as cidades como Medellín. A segunda é que tem alta tolerância a variações na especificação do combustível, razão pela qual pode trabalhar com distintas qualidades de gás natural sem demandar ajustes no motor”, explicou Benoit Tanguy, diretor-geral da Scania na Colômbia.

A montadora também ressalta o uso do combustível alternativo frente aos modelos movidos a diesel, com uma economia que ultrapassa os 25%, além de ter intervalos de manutenção maiores e as emissões sonoras dez vezes inferiores. “A gestão do prefeito Henrique Peñalosa tem um compromisso ambiental com Bogotá. Por isso, estamos avaliando essa mais nova tecnologia para que seja uma opção viável na frota do sistema Transmilenio”, disse Alexandra Rojas, gerente de Transmilenio.

A Scania Colômbia, em conjunto com a Gas Natural Fenosa, oferecerão toda a infraestrutura, experiência, talento humano e recurso tecnológico para que as cidades colombianas possam ter uma frota de ônibus urbano amigável com o meio ambiente e com baixos custos operacionais.

Legenda – Com 27 metros e capacidade para 250 pessoas, o novo chassi tem o poder de retirar das ruas o equivalente a 125 carros.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.
Como ficariam os ônibus urbanos da Itapemirim? Relíquias do Museu da Itapemirim O amor pede passagem Busscar El Buss da Auto Viação 1001 Número das vendas e exportações de carrocerias de ônibus – 04/2021 Montagens de modelos com o layout da Nacional e Continental O Apache Vip na frota metropolitana da Grande João Pessoa O Apache Vip na frota municipal de João Pessoa Apache Vip da Util Renovação de frota na Boa Esperança