Mercedes-Benz lança o primeiro campo de provas voltado a ônibus e caminhões do Brasil

por:

ChassisPostagens MISC/Variadas

Fonte: Mercedes-Benz
Fotos: Divulgação

20160921_5f5f38706b8a49f1b72da3405139b6d9_campo-de-provas-2

A Mercedes-Benz anunciou, durante o 66º Salão Internacional de Veículos Comerciais, o IAA 2016, realizado recentemente em Hanover, na Alemanha, um investimento de R$ 70 milhões no primeiro campo de provas do Brasil totalmente dedicado a ônibus e caminhões. O terreno, de 1,3 milhão de metros quadrados e extensão total de 25 quilômetros, abrigará 18 pistas de asfalto, concreto e terra.

“Esse avançado campo de provas ampliará notavelmente a nossa capacidade de desenvolvimento tecnológico, consolidando a unidade brasileira como referência para a Daimler e para o setor automobilístico”, afirma Philipp Schiemer, presidente da Mercedes-Benz do Brasil e CEO na América Latina.

O lançamento, que coincide com os 60 anos da empresa no Brasil, comemorados em setembro, otimizará os testes com veículos voltados ao mercado local e a diversos países atendidos pela Daimler, como Rússia, Índia, China e África do Sul.

Com obras de terraplanagem já em execução, o início das operações está programado para o segundo semestre de 2017. Será o maior e mais completo campo de provas do Hemisfério Sul e o maior da Daimler fora da Alemanha.

Localizado em Iracemápolis, no interior de São Paulo, o campo de provas será baseado em um modelo similar ao da Daimler em Wörth, na Alemanha, um dos mais modernos do segmento de veículos comerciais da companhia e do setor.

Alto padrão

A concepção da pista brasileira conta com a consultoria da empresa alemã Tilke, parceira da Daimler no campo de provas de Wörth e em outras obras, e que também elabora projetos de pistas da Fórmula 1.

Por aqui, poderão ser realizados testes e ensaios com o mesmo rigor e padrão técnico seguidos por outras plantas do grupo. “É justamente essa capacidade que nos credencia a testar veículos para diversos mercados. Um ótimo exemplo é a pista de testes de durabilidade, que terá mil placas de concreto que não se repetem. Elas são idênticas às colocadas na pista da Alemanha”, diz Christof Weber, vice-presidente de Desenvolvimento de Caminhões e Agregados da Mercedes-Benz do Brasil e um dos responsáveis pela idealização do campo de provas de Wörth.

20160921_7affbce75d3946cb8de4cda85ec5cab5_campo-de-provas-1

A unidade promete ser um laboratório que simulará, em condições reais, situações de tráfego, segurança e comportamento de veículos que estarão, em breve, nas estradas. “Demandas como conforto e robustez serão verificadas e testadas de maneira ainda mais completa”, destaca Weber.

Compartilhe esta matéria
ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.