Semob vai ampliar faixas exclusivas na Epitácio e implantar na Pedro II

Fonte: Click PB
Foto: Walla Santos / Gilberto Firmino



Tanto a Superintendência de Mobilidade Urbana (Semob) quanto a Associação das Empresas de Transportes Coletivos Urbanos de João Pessoa (Aetc-JP) garantiram que, na virada do ano, do dia 31 de dezembro para o dia 1º de janeiro, o pessoense não será surpreendido com um reajuste de tarifa de ônibus, como já chegou a acontecer na Capital. Além disso, somente haverá reunião do Conselho de Mobilidade Urbana em fevereiro. A mudança no comando da Semob, com a nomeação de Carlos Batinga, agradou ao setor dos transportes. A estratégia para evitar aumento de tarifa, no momento, é reduzir os custos das empresas.

Uma das medidas para essa redução: a Semob vai aumentar, neste mês de janeiro, a quantidade de faixas exclusivas de ônibus em João Pessoa. Haverá ampliação da faixa na Epitácio Pessoa, estendendo até a altura da avenida Tito Silva, e implantação no corredor da Pedro II, até a altura do Ibama, segundo informação do superintendente do órgão, Carlos Batinga.
Ele adiantou, ainda, que também está avaliando implantar a faixa exclusiva de ônibus na avenida Josefa Taveira, em Mangabeira. Com isso, das atuais quatro faixas de rolamento – duas em cada sentido –, metade seria destinada ao tráfego de ônibus. 
A ampliação das faixas exclusivas de ônibus faz parte do planejamento apresentado por Batinga na reunião do Conselho de Mobilidade, em novembro. Trata-se de um plano de ações de curto prazo, que seria no período de até um ano, e de médio prazo, que seria em até cinco anos, no qual se inclui o Plano de Mobilidade Urbana e o BRT (Bus Rapid Transit), por exemplo. Dentre as ações de curto prazo estão as intervenções viárias, mudanças de fiscalização, ampliação de monitoramento e ampliação das faixas exclusivas de ônibus. 
A ampliação das faixas exclusivas reduz custos à medida que diminui o tempo de viagem do transporte coletivo, chegando em alguns casos a permitir a redução de frota. O mesmo acontece com algumas intervenções viárias que reduzem o percurso do ônibus.


No entanto, o lado negativo dessa implantação de corredor exclusivo para ônibus é que na Pedro II, por exemplo, que já foi alargada em 2008 e mesmo assim congestiona em horários de pico, restará apenas duas faixas para automóveis e motocicletas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.
Como ficariam os ônibus urbanos da Itapemirim? Relíquias do Museu da Itapemirim O amor pede passagem Busscar El Buss da Auto Viação 1001 Número das vendas e exportações de carrocerias de ônibus – 04/2021 Montagens de modelos com o layout da Nacional e Continental O Apache Vip na frota metropolitana da Grande João Pessoa O Apache Vip na frota municipal de João Pessoa Apache Vip da Util Renovação de frota na Boa Esperança