Unitrans encerra ciclo de palestras sobre saúde do homem

Fonte: News Comunicação
Fotos: Kristofer Oliveira / Divulgação



A saúde do homem, especialmente, as formas de prevenção do câncer de próstata, foi o tema do ciclo de palestras promovido pela empresa de ônibus Unitrans para seus operadores, durante toda essa semana. As palestras aconteceram no auditório da empresa, nos turnos da manhã e tarde, e tiveram como público alvo os cobradores, motoristas e manobreiros que participam do projeto ‘“Operador em Ação”. Todas as palestras da manhã foram realizadas pela fisioterapeuta da Faculdade Maurício de Nassau, Ellen Marie. As capacitações da tarde foram conduzidas pela fisioterapeuta Iviane Braga, da mesma instituição de ensino superior. Nesta sexta-feira (27) a tarde foi realizada a 10ª palestra que encerrou o ciclo desta capacitação.

Campeão dentre as doenças que se instalam e fazem diversas vítimas do sexo masculino, o câncer de próstata, segundo dados da Sociedade Brasileira de Urologia, mata 35 homens por dia. De cada seis brasileiros que descobrem a doença, um morre em decorrência dela. Nas palestras, Ellen Marie e Iviane Braga, expuseram a importância dos exames preventivos, abordaram as formas de tentar evitar a doença e de como ela se manifesta depois de instalada, entre outros tópicos relacionados ao tema. “É preciso realizar o preventivo com um urologista porque quando o homem apresenta sintomas, a doença já está um tanto adiantada”, disse Ellen, lembrando que o câncer de próstata tem de 80 a 90% de chance de cura quando é identificado em seu estágio inicial.


Segundo a psicóloga da Unitrans, Mariangela Chaves, que acompanhou toda a semana de treinamento, a ação, que também está inserida como apoio a campanha ‘Novembro Azul’, buscou reforçar nos colaboradores da empresa a cultura de eles também precisam se cuidar de forma preventiva. “O comportamento masculino em relação à saúde é considerado por muitos como “desleixado”, e em relação aos exames preventivos da próstata a ainda muito preconceito por causa do exame digital. Queríamos desmistificar isso e despertar nos nossos colaboradores a consciência do quão importante é para eles se cuidarem preventivamente”, destaca Mariangela.
 
O manobreiro da Unitrans, Valselito Donato, 51 anos, que assistiu a palestra na segunda-feira (23), já fez exames de próstata e, anualmente, faz o PSA. Ele acha uma bobagem esse preconceito em relação ao exame de toque. “A saúde vem em primeiro lugar. Por isso o preconceito do exame não tem sentido”, afirmou Valselito.

No dia 22 de dezembro serão premiados os profissionais que mais se destacaram, ao longo do ano, em participação no programa ‘Operador em Ação’, além de outros critérios. A premiação acontecerá no auditório do SEST/SENAT, no Distrito Industrial de João Pessoa. Mariangela lembra que a direção da Unitrans ainda está decidindo se antes da solenidade haverá outra atividade do Operador em Ação ou se o ciclo de palestras do Novembro Azul encerrou as capacitações de 2015.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.
A nova linha Marcopolo G8 Paradiso DD Rota Transportes com soluções Marcopolo BioSafe Número das vendas e exportações de carrocerias de ônibus – 06/2021 O novo Apache Vip Os raros El Buss da Gontijo Como ficariam os ônibus urbanos da Itapemirim? Relíquias do Museu da Itapemirim O amor pede passagem Busscar El Buss da Auto Viação 1001 Número das vendas e exportações de carrocerias de ônibus – 04/2021 Montagens de modelos com o layout da Nacional e Continental O Apache Vip na frota metropolitana da Grande João Pessoa