XXIII SIPAT da Unitrans debate o problema, consequências e formas de prevenção da diabetes no primeiro dia de atividades

Fonte: News Comunicação
Foto: Luiz Vaz / Divulgação


A cada oito segundos morrem no mundo uma pessoa por complicações decorrentes da diabetes. Estima-se que, atualmente, 370 milhões de pessoas tenham diabetes, destes 12 milhões estão no Brasil e metade deste contingente sequer suspeita que tem a doença, que é silenciosa e também por isso muito perigosa. Essas foram algumas das informações divulgadas pela professora universitária e enfermeira Aline Franco, a palestrante deste primeiro dia de atividade da XXIII Semana Integrada de Prevenção de Acidente de Trabalho (SIPAT) da empresa de ônibus Unitrans. Além da palestra, realizada pela manhã e a tarde, as atividades do primeiro dia da SIPAT ainda incluíram a realização de testes de glicemia e aferição de pressão em pessoas que circularam pelo Terminal 601- Bessa, nesta segunda-feira (14).

A abertura da SIPAT foi feita pela psicóloga da Unitrans, Mariangela Chaves, no auditório da empresa, onde foi realizada a palestra Diabetes, doença silenciosa, mas muito perigosa’. Em sua abordagem, Aline Franco falou sobre as causas, os tipos 1 e 2 formas de evitar a diabetes, enfatizou a importância da prática de exercícios físicos regulares, de uma alimentação equilibrada, dos perigos do excesso de sal, gordura e açúcar para o organismo e dos fatores que levam a pré-disposição à doença, como idade, hereditariedade e o sedentarismo. A primeira palestra aconteceu as 8h30 e foi repetida as 15h30. “Quem tem diabetes, além de uma série de complicações, tem de 2 a 4 vezes mais chances de desenvolver doenças do coração e ter um AVC”, disse Aline, lembrando que evitar a diabetes tipo 2 passa, sobretudo, por uma mudança de atitude.
 
A SIPAT da Unitrans começou nesta segunda-feira (14) e vai até a próxima sexta-feira (18) com várias palestras, realizadas nos turnos da manhã e tarde, no auditório da empresa, em Água Fria, além de outras atividades a exemplo da realização dos testes de glicemia e aferição de pressão arterial, no Terminal da 601, nesta segunda-feira e terça-feira. O tema escolhido esta ano para a SIPAT foi “Segurança e saúde, pratique essa ideia”.
 
A diretora da Unitrans, Lorena Dantas, que encerrou a manhã de atividades nesta segunda-feira, enalteceu a importância da SIPAT. “Este ano, focamos além da questão de segurança, o tema saúde em todas as atividades da SIPAT, pois entendemos que para prestar um bom serviço, atender bem nossos clientes, todos nós precisamos estar bem e, principalmente, de saúde”, disse Lorena, enfatizando a importância da participação de todos nas atividades e da disseminação das informações obtidas. “O que aprendemos aqui serve para nós e para todas as pessoas que nos rodeiam, portanto, vocês devem levar essas informações para seus familiares e amigos”, disse Lorena, lembrando que a SIPAT faz parte das ações do projeto ‘Operador em Ação’, em setembro, e que, portanto, é preciso que todos participem das atividades e registrem suas presenças. No final, houve sorteio de camisas da SIPAT.
 
Programação


Na terça-feira (15), as 8h30, a SIPAT prossegue com a realização da palestra ’Importância da educação postural para a saúde de nossa coluna’. O mesmo tema será trabalhado no turno da tarde, as 15h30. Na quarta-feira (15), o tema a ser apreciado será ‘Hipertensão, condição de risco no trânsito’, pela manhã, as 8h30, e à tarde, as 15h30. No penúltimo dia da programação, a palestra será sobre o tema ‘Olhos sadios, visão de segurança’, também nos dois turnos. Na sexta-feira (18), último dia de atividades, o tema a ser trabalhado será ‘Cuidados com a alimentação do trabalhador no serviço de manutenção’. A primeira palestra acontece as 15h30 e a segunda está programada para começar às 19h. Um coffe break logo em seguida marcará o encerramento da SIPAT 2015.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.