Ônibus Paraibanos

Fretamento da Jeep leva TBS, do Grupo A.Cândido, a adquirir chassis Iveco‏

Fonte: Portal Ônibus Paraibanos
Texto: Josivandro Avelar

Fotos: Gelson Mello da Costa

Em junho, noticiamos aqui no portal a aquisição de cinco ônibus da empresa Rio Negro, de Contagem, Minas Gerais. Esses veículos foram encarroçados com o chassi 170S28 da Iveco, que a empresa comprou por força de contrato; a Rio Negro é uma das empresas que faz fretamento para a fábrica matriz da FIAT, em Betim, e a montadora italiana exige das empresas que prestam serviço de fretamento uma cota de 30% de ônibus encarroçados com o chassi da Iveco, que é uma das empresas da FCA (Fiat Chrysler Automobiles). E do mesmo modo que exigiu para as empresas em Minas, a FCA também fez desta uma exigência de contrato das empresas que prestam serviço para sua unidade em Goiana, Pernambuco. Todo mundo tem que se adequar a essa exigência. Todo mundo – até o Grupo A.Cândido, fiel cliente da Mercedes-Benz e proprietária de concessionárias da marca.

Por isso mesmo, não foi surpresa a compra de 10 unidades do chassi 170S28 pela TBS – empresa do Grupo A.Cândido. Os veículos possuem a carroceria Viaggio G7 900, da Marcopolo, e são dotados de 45 poltronas executivas, janelas de vidros móveis, ar condicionado, isolamento termoacústico e iluminação em LED.

Uma das unidades, de prefixo 0519, foi divulgada pela Marcopolo em seu site.

O chassi 170S28 da Iveco possui motor FPT de 6 cilindros, cuja potência pode chegar a 280hp – um dos mais potentes da categoria. É um chassi equipado com a tecnologia de Redução Catalítica Seletiva (SCR), dentro das normas Euro V.

A Iveco possui concessionária na Paraíba – a Mais, situada nas Três Lagoas, próximo ao Viaduto de Oitizeiro no sentido Jardim Veneza, inaugurada há cerca de um ano.

Como dito, a principal função dos veículos será atuar no fretamento da unidade da Fiat Chrysler em Goiana. Empresas como Totality e Borborema, que também atuam no fretamento da montadora italiana, devem seguir o contrato e adquirir veículos com chassis Iveco.

Quanto ao Grupo A.Cândido, não espere nada diferente de Mercedes-Benz nas demais empresas da holding.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.