Unitrans promove treinamento técnico sobre embreagem dentro do projeto ‘Operador em Ação’

Fonte: News Comunicação
Fotos: JC Barboza


O mês de agosto já começa com novo treinamento para motoristas, manobristas e cobradores da empresa de ônibus Unitrans. Isto porque, entre os dias 03 e 07, esses profissionais participarão da capacitação técnica ‘Funcionamento de Embreagem’. O treinamento, que será ministrado pelo instrutor, Charles Queiroz, da Unitrans, e Orlando Silva, da Platô Diesel, no auditório da empresa, faz parte das atividades do projeto ‘Operador em Ação’, que desde o início do ano aborda diferentes temas, em treinamentos mensais direcionados aos operadores.

Na ocasião, segundo Charles Queiroz, serão revisadas e repassadas orientações de como conduzir os veículos de forma adequada, a fim de preservar a vida útil do kit de embreagem. “Vamos abordar diversas situações mostrando como se deve operar adequadamente um veículo, especificamente, focando na questão do kit de embreagem que é composto por platô, o disco, rolamento e a mola membrana”, diz o instrutor. Ainda segundo ele, a má condução do veículo está diretamente ligada a condução do motorista que se não for adequada pode reduzir a vida útil do kit de embreagem em cerca de 20 mil km.
 
“As dicas que vamos dar se aplicam em qualquer veículo e não apenas ao ônibus”, afirma Charles, lembrando que o prejuízo com a quebra do kit de embreagem tem um grande impacto no dia a dia de uma empresa de transporte, pois, para consertar o problema se leva, em média, algumas horas. “Isso ocasiona a parada do veículo, pelo menos por meio dia, além é claro do prejuízo já que um kit custa em média R$ 2.600,00”, afirma o instrutor.

Entre as questões que serão abordadas no treinamento e que estão entre as práticas erradas mais comuns, Charles destaca o descanso do pé no pedal da embreagem e da mão na alavanca da marcha e a saída em segunda marcha ao invés da primeira. “Esses são comportamentos que devem ser evitados, pois contribuem para acelerar a quebra do kit de embreagem e isso vale não apenas para ônibus, mas qualquer veículo automotor”, finaliza Charles, lembrando que o treinamento se estende aos cobradores porque a Unitrans tem uma política de ascensão profissional que possibilita que o cobrador, depois de aprovado em testes de aptidão e habilitação, possam tornar-se motoristas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.
Busscar Vissta Buss DD da Auto Viação Catarinense A nova linha Marcopolo G8 Paradiso DD Rota Transportes com soluções Marcopolo BioSafe Número das vendas e exportações de carrocerias de ônibus – 06/2021 O novo Apache Vip Os raros El Buss da Gontijo Como ficariam os ônibus urbanos da Itapemirim? Relíquias do Museu da Itapemirim O amor pede passagem Busscar El Buss da Auto Viação 1001 Número das vendas e exportações de carrocerias de ônibus – 04/2021 Montagens de modelos com o layout da Nacional e Continental