Vereadores cobram providências contra onda de assaltos a estudantes em ônibus em Campina

Fonte: Blog do Helder Moura
Matéria: Helder Moura
Foto: José Roberto

O clima de insegurança reinante na Paraíba tem atingido de uma forma ainda mais preocupante jovens estudantes. Em João Pessoa, após uma sequência de assaltos, pais de alunos decidiram retirar seus filhos das escolas públicas, temendo pelas suas vidas. Já em Campina Grande a violência levou vereadores a realizarem sessão para cobrar providências do Governo do Estado.
“Nós estamos solicitando que o Comando da Polícia Militar desenvolva ações com o intuito de combater os assaltos a estudantes nos ônibus, que vem aterrorizando pais e professores”, salientou o vereador João Dantas, um dos parlamentares que denunciaram a escalada de violência na cidade, “especialmente contra jovens estudantes”.
“Temos relatos de estudantes afirmando que não vão mais para a aula com os aparelhos celulares com medo dos assaltantes, deixando seus pais ainda mais apreensivos, porque ficam sem um meio de comunicação com seus filhos”, acrescentou.
Violência – Há poucos dias, o vídeo de uma câmara de segurança postado na Internet, mostrou o momento em que um bandido invadiu a Escola Aruanda (Bairro dos Bancários), em João Pessoa, abordando uma das alunas, e roubando o seu celular. O bandido ainda agridiu fisicamente a adolescente. http://goo.gl/L2Z1s4.
Essa tem sido uma rotina, levando a evasão de alunos, com medo do ataque constante dos bandidos, segundo funcionários e professores. Há dois dias, as aulas da Escola Estadual João Navarro Filho, no Bairro do Valentina Figueiredo, foram suspensas, após a tentativa de assassinato de um dos alunos por bandidos armados.
Segundo a direção e os funcionários, “diariamente são registrados assaltos e casos de agressão física contra os alunos em frente à escola, e agora até mesmo dentro”. Com a ação persistente dos bandidos, vários pais já retiraram seus filhos do educandário temendo pelo pior. “Nós avisamos à polícia, mas a violência permanece”, completa um servidor.
Há duas semanas, bandidos armaram uma barricada (com uma carroça) na Avenida Tancredo Neves, ao lado da Escola Luis Augusto Crispim, disseminando pânico entre funcionários e alunos, além de assaltar vários motoristas. Quando a polícia chegou ao local, eles conseguiram fugir impunes. Na escola, restou o pânico de alunos e funcionários. Vários pais decidiram retirar seus filhos da escola.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.
Como ficariam os ônibus urbanos da Itapemirim? Relíquias do Museu da Itapemirim O amor pede passagem Busscar El Buss da Auto Viação 1001 Número das vendas e exportações de carrocerias de ônibus – 04/2021 Montagens de modelos com o layout da Nacional e Continental O Apache Vip na frota metropolitana da Grande João Pessoa O Apache Vip na frota municipal de João Pessoa Apache Vip da Util Renovação de frota na Boa Esperança