Considerações sobre a linha 201 – Dos tempos do extinto Orkut até hoje‏

Fonte:
Blog Josivandro Avelar
Matéria / Texto: Josivandro Avelar
Fotos: Rodrigo Gomes



Em
maio de 2009, a comunidade “A Integração é o Pipoco” da extinta rede social
Orkut reunia pelo menos de mil pessoas, ou melhor dizendo, exatamente 1818
membros, que em comum usam ou passam no Terminal de Integração do Varadouro.
Como eu sou uma dessas pessoas que fazem uso da Integração, então entrei na
comunidade naquela época.

Um
dos tópicos dessa comunidade, criado por um desses 1818 membros, chama-se
“Linhas de ônibus existentes que são estranhas”, aonde a pessoa cita aquela
linha que acha, por alguma razão, estranha quando o assunto é o percurso, se a
linha deveria existir, se a linha não é tão rápida assim e tal. Logo que
lançaram a pergunta, não tive dúvidas e coloquei uma linha que é sinônimo de
estranheza aqui no bairro do Rangel, que é ninguém menos que a linha 201-Ceasa,
aquela que passa no Unipê e no Shopping Sul.
 
Abaixo,
segue o artigo que escrevi para o tópico das linhas estranhas sobre a linha
201-Ceasa naquela época (veja bem, era maio de 2009), e que decidi reproduzir
aqui, para o blog:
 
201-Ceasa
Tudo nessa linha é estranho, desde o nome até o
percurso.
Nome: Apesar
de se chamar Ceasa, a linha NÃO passa no Ceasa! Ou seja, se você quiser ir
mesmo para a Ceasa, que fica na rua Ranieri Mazzili (rua por onde o 201 não
passa), pega 203, 209, 5206, 5210, enfim, menos 201. Ele dobra para a BR-230
antes do muro de trás da Empasa, mas passar mesmo no Ceasa, não passa não, de
Ceasa só tem o nome.
 
Percurso
“exclusivo”:
Ela não passa no corredor da 2 de Fevereiro,
tem um corredor exclusivo só para ela. Para quem não sabe, ao sair do Centro, o
201 vai por dentro de Jaguaribe, Rua da Mata, segue pela São Judas Tadeu e
volta para a Rua da Mata até o Viaduto do Cristo. As outras 99% das linhas do
Rangel seguem pela ladeira e 2 de Fevereiro.
 
Ponto
Final:
A linha já tem várias emendas de percurso, e o
ponto final já mudou de lugar três vezes. Já foi no Cj. Inocoop (perto do
Viaduto do Cristo), já foi dentro do Unipê e atualmente é ao lado do Shopping
Sul, nos Bancários.
Essas
foram as minhas considerações para a linha que mais acho estranha. Mas,
realmente, devem haver outras linhas tão estranhas quanto a linha 201 nessa
cidade. Mas ninguém melhor do que o público para falar melhor sobre elas.
A
maior parte desta matéria foi escrita em maio de 2009, baseada num relato que
escrevi numa comunidade do extinto Orkut. E seis anos são suficientes para o
mundo dar voltas: desde o início de 2014, a linha 201 passou a trafegar de fato
em frente do Ceasa, devido a mudanças de fluxo do Viaduto do Cristo, por meio
do qual não é mais possível sair do viaduto e entrar no itinerário interno da
linha. Com isso, a linha passa em parte da Ranieri Mazzili, exatamente em
frente da central de abastecimento que empresta o nome à linha. Este itinerário
só é feito pelos veículos do sentido Bairro-Centro.

Em setembro de 2012, a linha 201 ganha a companhia das linhas 2501 e 5201, do
Colinas do Sul, operadas pela Santa Maria. Com isso, o itinerário do Rangel
deixou de ser exclusivo do 201, uma vez que elas utilizam-se do itinerário da
mesma no bairro. A referida alteração de itinerário acima também é válida para
a linha 2501.
Em
janeiro de 2015, a linha 201 é uma das 4 linhas da Transnacional a entrar no
esquema de dupla função. Por conta disso, a linha recebe pela primeira vez uma
renovação completa de carros zero quilômetro, passando a operar com quatro
veículos do modelo New Torino, da Marcopolo, encarroçados sob o chassi OF-1721
Bluetec5. Antes disso, em apenas uma ocasião a linha recebeu carro zero, o
07193, um Torino OF-1722 de 2010.
 
A
linha 209 acima mencionada foi circularizada em janeiro de 2014. Atualmente
rodam como 2509 e 5209.
A
matéria acima foi construída como um remake do post Considerações sobre a linha 201, publicada
no Blog Josivandro Avelar em 20 de maio de 2009.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.
Como ficariam os ônibus urbanos da Itapemirim? Relíquias do Museu da Itapemirim O amor pede passagem Busscar El Buss da Auto Viação 1001 Número das vendas e exportações de carrocerias de ônibus – 04/2021 Montagens de modelos com o layout da Nacional e Continental O Apache Vip na frota metropolitana da Grande João Pessoa O Apache Vip na frota municipal de João Pessoa Apache Vip da Util Renovação de frota na Boa Esperança