O desconforto dos transportes públicos em João Pessoa

Fonte: Portal Livre

Foto: Thiago Martins de Souza

São muitas as reclamações
feitas pela população pessoense sobre o transporte público. A maior delas é a
pequena quantidade de ônibus, fazendo com que o usuário passe muito tempo nas
paradas e seja obrigado a subir em veículos extremamente lotados.

Segundo a Prefeitura
Municipal de João Pessoa, o Sistema de Transporte Coletivo Convencional
conclui-se da seguinte forma:
– 90 linhas convencionais;
-545 ônibus cadastrados
estando 467 operando;
-212 ônibus adaptados para
pessoas com algum tipo de deficiência.
A frota de João pessoa é
considerada uma das mais novas do país, tendo 4,3 anos de idade, enquanto a
média nacional é de 5,5 anos.
Os ônibus que pertencem a
seis empresas concessionárias (Transnacional, Mandacaruense, Marcos da Silva,
Reunidas, São Jorge e Santa Maria) transportam por dia quase 280.000 pessoas.
Um número muito pequeno de transporte para uma população tão grande.

Outro problema grave é a
falta de acesso a deficientes. Apesar dos 212 ônibus citados como adaptados,
muitos motoristas não param. Ou se param é muito difícil o acesso do deficiente
com a super lotação.
Atualmente a
Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob) alterou a posição nas
catracas com a finalidade de inibir a ação de assaltantes. Essa mudança deixou
os passageiros um pouco confusos tendo que entrar pela porta dianteira e descer
pela porta traseira. A ação é comum em outros estados do país.
A AETC, responsável pela
administração de transporte público em João Pessoa disse que, em quanto a super
lotação, a quantidade de ônibus no município é determinado pela Semob que
afirma que o número de ônibus é suficiente para atender a população. Em quanto
a acessibilidade, o número de ônibus atende aos deficientes.
A Semob possui um centro de
atendimento onde são feitas reclamações, elogios e dúvidas podem ser tiradas.
As maiores reclamações
contra motoristas são:
-Falta de conservação e
segurança do veículo;
-Deixar de atender o sinal
de parada;
-Não cumprir os horários
previstos;
-Não atender a vistorias;
-Não realizar a viagem no
horário que estava previsto.
O número de atendimento é:
0800-281-1518

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.
O amor pede passagem Busscar El Buss da Auto Viação 1001 Número das vendas e exportações de carrocerias de ônibus – 04/2021 Montagens de modelos com o layout da Nacional e Continental O Apache Vip na frota metropolitana da Grande João Pessoa O Apache Vip na frota municipal de João Pessoa Apache Vip da Util Renovação de frota na Boa Esperança Novos Paradiso DD da Catedral Relembre os Alphas do intermunicipal paraibano