Volvo transforma sucata plástica em sacos de lixo

Fonte: Automotive Business

Foto: Divulgação
No começo deste ano, a Volvo
passou a direcionar toda a sucata plástica gerada nas linhas de produção de
caminhões e ônibus para transformação em sacos de lixo 100% reciclados,
utilizados pela própria montadora.
“A empresa
tem como meta tornar-se líder mundial em soluções sustentáveis de transporte, e
isso passa, necessariamente, pelas linhas de produção”, afirma Cyro Martins,
diretor de Operações de Manufatura do Grupo Volvo no Brasil.

Segundo a montadora, os
materiais enviados para reciclagem são embalagens para proteção de peças,
galões, fitas e tampas, entre outros materiais plásticos. A reciclagem e
produção dos sacos de lixo são feitas pela empresa responsável pela coleta da
sucata plástica gerada pela fábrica.
Dessa forma, o produto
gerado pela reciclagem volta para o uso na empresa, fechando um ciclo de uso
dos recursos naturais. “Vários outros resíduos gerados pela fábrica são
reciclados e recolocados no mercado em forma de produto, mas não voltam direto
para a fábrica”, destaca Fábio Tokuue, coordenador de Tratamento Químico e do
Terminal de Resíduos da Volvo.
Além de ser mais sustentável,
a Volvo conseguiu reduzir 75% os gastos com a compra de sacos de lixo e
melhorou a qualidade do material.  “Esta redução dos custos deve-se ao
processo de logística reversa, pois vendemos a sucata plástica e compramos de
volta, em forma de saco de lixo”, explica Kaio Pimenta, da área de Compras da
Volvo e responsável pela negociação e implementação do projeto de reciclagem
dos sacos de lixo.
No ano passado, a fábrica
gerou 240 toneladas de sucata plástica, sendo que 23 toneladas já regressaram para
a Volvo em forma de sacos de lixo.  “Outra vantagem deste projeto é que
contribui com o aumento da competitividade dos nossos fornecedores, que vendem
o produto gerado com a reciclagem também para outras empresas, e gera uma
cadeia de negócios sustentáveis, não apenas do ponto de vista ambiental, mas
também do econômico”, finalizaa Tokuue.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.
Como ficariam os ônibus urbanos da Itapemirim? Relíquias do Museu da Itapemirim O amor pede passagem Busscar El Buss da Auto Viação 1001 Número das vendas e exportações de carrocerias de ônibus – 04/2021 Montagens de modelos com o layout da Nacional e Continental O Apache Vip na frota metropolitana da Grande João Pessoa O Apache Vip na frota municipal de João Pessoa Apache Vip da Util Renovação de frota na Boa Esperança