Passageiros utilizarão sistema biométrico em catraca de ônibus em Campina Grande

Fonte:
JPB

Matéria
/ Texto: Waléria Assunção

Foto: Reprodução TV Cabo Branco

O
recadastramento começou a cerca de 15 dias e está sendo feito no terminal de
integração no centro de Campina Grande. De posse da declaração da escola ou do
RTM os atualizam o cadastro e em seguida são encaminhados pra fazer o registro
da impressão digital. Quem possui o cartão vale mais, com data anterior a 2012,
recebe um novo cartão na hora, de graça. Com o novo sistema biométrico, apenas
o usuário poderá usar o cartão.

A biometria é destinada apenas ao usuário do transporte coletivo que possuem
algum tipo de gratuidade. Além do estudante, idosos e deficientes físicos, já
estão podendo utilizar o novo sistema , eles fizeram o recadastramento no ano
passado.

A expectativa do Sitrans é recadastrar cerca de 40 mil estudantes na cidade. O
prazo é de acordo com a última recarga que vem descrito no ticket de compra.
Dalva Lúcia não perdeu tempo e aproveitou pra fazer o recadastramento do filho,
o pequeno Lucas Gabriel:

Achei bom, mais seguro, mais rápido também, disse Dalva.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.
Como ficariam os ônibus urbanos da Itapemirim? Relíquias do Museu da Itapemirim O amor pede passagem Busscar El Buss da Auto Viação 1001 Número das vendas e exportações de carrocerias de ônibus – 04/2021 Montagens de modelos com o layout da Nacional e Continental O Apache Vip na frota metropolitana da Grande João Pessoa O Apache Vip na frota municipal de João Pessoa Apache Vip da Util Renovação de frota na Boa Esperança