Série histórica: Caio Vitória da Rodoviária Santa Rita

Fonte:
Portal Ônibus Paraibanos

Matéria
/ Texto: Kristofer Oliveira / Fábio Alcântara

Desenhos:
Gilberto da Costa Junior
Abrindo mais uma série (e longa, diga-se de
passagem), dessa vez abordando um consagrado modelo da Caio, o Vitória.
Fabricado no fim dos anos 80 até a metade dos anos 90,  teve uma forte
presença no sistema de transporte pelo país afora. Na Paraíba não foi
diferente, ao marcar presença na frota de praticamente todas as empresas. É
fácil apontar quem não teve, dentre essas justamente a Transnacional, que teve
bastante Amélia na sua frota.


Começaremos abordando alguns que rodaram na Rodoviária Santa Rita.

Dentre os que a Santa Rita teve, estão os 50.03, 50.14, 50.15 e 50.43.

Os três primeiros vieram no início dos anos 90, sendo F-113 HL, OH-1520 e OF-1318, respectivamente. 

O 50.03 chegou para substituir um outro modelo da Caio que ocupava o prefixo, o
Amélia. Ficou na frota até o ano 2000 e foi sucedido por um Busscar Urbanuss,
que permanece na frota até o momento.

Já o 50.14 também sucedeu um Amélia, que parece ter tido motorização traseira.
Permaneceu até o ano de 1996. Também teve o prefixo ocupado por um Busscar
Urbanuss, anos após, que ainda permanece na ativa.

O 50.15 passou bastante tempo, saindo da frota em 2005. O prefixo foi ocupado
por um Marcopolo Torino 1999 ex Atlântica/AL. Atualmente um Torino 2007 ex
Santo Antônio/RJ ocupa a vaga. Após sair da RSR, o Vitória seguiu para a
Transporte Popular. 

E finalmente, o 50.43 foi o que passou menos tempo. Veio usado em meados de
2000~2001 e permaneceu na frota até 2002. Foi substituído pelo atual ocupando,
um Marcopolo Viale.

10 comentários em “Série histórica: Caio Vitória da Rodoviária Santa Rita”

  1. o carro 50,03 era um caio vitória scania que rodava na linha de tibiri era um carro muito longo e o 14 realmente era com motor traseiro me lembro bem ainda tinha o 50,17 e 0 50,16 o 50,17 rodava em várzea nova juntamente com o 50,15 e o 50,16 rodava em santa rita

  2. Amigo pode ser que tenha existido o 50.16 pode ter rodado somente na linha de santa rita quem sabe,pelo que me lembro eu não vi esse vitória com esse prefixo 50.16 aqui em TIBIRI

    E sobre o 50.17 amigo ele foi na verdade um Viaggio 1000 GV chassi MB OF-1620 juntamente com o irmão de lote o 50.18 ambos faziam a linha João Pessoa x Lucena

    Eles chegaram Pelo que me lembro em 1997 e ficaram até 2001..

    Pelo que entendi no seu comentário pode ter se referido ao antecessor desse Viaggio 1000 GV 50.17 mais de qualquer maneira amigo valeu pela informação.

    1. amigo realmente vc nao conhece a historia da empresa nem o onibus 5016 existia sim e sempre rodou na 5003 santa rita e o 5017 nunca foi um viagio o viagio a qual vc se refere era o carro 5012 com irmão do 5018 ambos faziam a linha de lucena e quem rodava no caio 5017 era luciano hoje motorista da sonho dourado

    2. É verdade, a frota de Lucena era 50.12 e 50.18, todos dois viagio, 50.17 era Caio vitória, assim como: 50.25 (posteriormente 5045) e 5042 no mesmo ano que veio o 5043.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.
Como ficariam os ônibus urbanos da Itapemirim? Relíquias do Museu da Itapemirim O amor pede passagem Busscar El Buss da Auto Viação 1001 Número das vendas e exportações de carrocerias de ônibus – 04/2021 Montagens de modelos com o layout da Nacional e Continental O Apache Vip na frota metropolitana da Grande João Pessoa O Apache Vip na frota municipal de João Pessoa Apache Vip da Util Renovação de frota na Boa Esperança