Lyon inicia testes com híbridos

Fonte: AutoBus

Foto: Máxime Brochier
Um programa de testes operacionais com ônibus híbridos
foi iniciado recentemente na cidade francesa de Lyon. Com cerca de 500 mil
habitantes e mais de dois milhões de habitantes em sua região metropolitana,
esse importante município francês tem como objetivo a avaliação da tecnologia
híbrida para o seu sistema de transporte público, que conta com uma rede de
ônibus, bondes e metrô. Por intermédio do Sytral (Sindicato Público Privado
para Rhone e a conurbação de Lyon), gestor do transporte público da região, o
projeto busca uma nova concepção para um transporte coletivo que cause um menor
impacto negativo ao ambiente e economize energia, com a utilização de
tecnologias diferentes e disponíveis no mercado.

Para isso, seis novos ônibus híbridos
(diesel/elétricos) das marcas Iveco, MAN e Volvo começaram a circular em quatro
linhas do sistema da cidade e região. Motoristas e pessoal técnico passaram por
um treinamento para conhecer a tecnologia adotada. Iveco e MAN utilizam o
conceito serial (apenas o motor elétrico é que traciona o veículo), com
baterias de lítio e supercapacitores, respectivamente, enquanto que a Volvo
adota o sistema paralelo de tração, com dois tipos de motores – diesel e
elétrico. Além disso, outros dois ônibus a diesel estão participando dos testes
como referência para as comparações entre vantagens e desvantagens de cada modelo.
Por no mínimo seis meses, a experiência com essa
avaliação tecnológica realizada pelo Sytral quer conhecer os detalhes da
redução do consumo de combustível, do impacto causado pela diminuição das
emissões poluentes, do conforto aos passageiros e motoristas e do monitoramento
dos sistemas de armazenagem da energia, no caso, as baterias de lítio e
supercapacitores.
A frota de ônibus que opera em Lyon e em sua região
metropolitana é composta por pouco mais de 1.000 unidades, sendo 131 trólebus.
Até 2014, cerca de 1,5 bilhão de euros deverão ser investidos na renovação de
todo o sistema de transporte público da cidade francesa e de sua conurbação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Este conteúdo é protegido.