Mais três cidades aderem ao BRT

Fonte:
The City Fix Brasil

Matéria/Texto:
Guillermo Petzhold

Um
cenário muito comum presente em cidades que cresceram de forma desordenada ao
longo dos anos é a ausência de um transporte público eficiente que norteia o
seu desenvolvimento. Motivados por essa falta de qualidade, os usuários tendem
a migrar para o transporte particular em busca de um maior conforto e
satisfação. Isso é o que vivemos hoje no Brasil e o que acontece em muitos
outros países em desenvolvimento e com grande concentração populacional.

Visando
reverter este quadro e qualificar o seu transporte coletivo, Lahore, segunda
maior cidade do Paquistão com 10 milhões de habitantes, inaugurou o primeiro BRT do país em fevereiro. O sistema, que conta com 27
km de vias segregadas, sendo 8,5 km elevados (no mesmo estilo do Expresso
Tiradentes/SP), tem a previsão de transportar, inicialmente, entre 20 a 40 mil
passageiros por dia. Entretanto, a expectativa da agência de transportes da
cidade é de que este número suba e, rapidamente, atinja cerca de 120 mil
pax/dia.

A
concepção do projeto, que iniciou em 2011, foi marcada pela forte colaboração
existente entre os técnicos do Paquistão e da Turquia, onde o primeiro BRT, localizado em Istambul,
foi inaugurado em 2007. Outras cidades que recentemente também aderiram
ao BRT foram Lianyugang e Yinchuan, ambas na China.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Número das vendas e exportações de carrocerias de ônibus – 09/2021 Apache Vip V da Matias Vissta Buss 400 da Cantelle El Buss 320 L da Solazer El Buss FT da Dom Bosco Apache Vip V da Viação Novacap Vissta Buss DD da 1001 Número das vendas e exportações de carrocerias de ônibus – 08/2021 Senior da PB Rio Apache Vip V da Viação Pendotiba Apache Vip V da N.S. Penha Vissta Buss 360 da 1001