Ônibus Paraibanos

Conhecendo as linhas: Circular Sesi

Fonte: Portal Ônibus Paraibanos
Matéria/Texto/Fotos: Thiago Martins de Souza

A
linha Circular Sesi foi a última linha criada em Bayeux, por volta de 1990, com
apenas 6 km entre seus extremos e 12 km de percurso total. É a menor linha regular
urbana da grande João Pessoa, e uma das menores da Paraíba, apesar disso ela é a 2ª
linha mais rentável da cidade segundo informações da própria empresa Wilson,
perdendo apenas para a linha Mario Andreaza (Mutirão), mesmo tendo tarifa diferenciada,
R$ 1.20 contra R$ 1.85 das demais linhas. A linha é dividida entre as empresas Almeida e Wilson, mas apesar da linha ser dividida igualmente para cada, existe uma forte concorrência entre as duas!!!

Atualmente composta por 4 veículos, o tempo
total de circular bairro/centro/bairro é de cerca de 35 minutos, teoricamente,
com ônibus a cada 10 minutos, mas apenas o primeiro horário ás 5 da manhã (bairro)
e os 2 últimos horários 22:15 e 22:35 (Centro de JP) são fixos, os demais
variam de acordo com o humor dos fiscais de tráfego e demanda de passageiros.

A tarifa promocional foi criada ainda nos anos 90, na tentativa de combater os
alternativos que já invadiam as ruas da cidade, na época a tarifa de 75
centavos e a linha Circular Sesi promocionalmente 50 centavos, motivo pelo qual
os alternativos até hoje são chamados de “cinquentinha” por algumas pessoas. 

A má distribuição de frota e competição por passageiros e horários da Almeida e
Wilson prejudicam a linha, durante o dia a espera tanto pode durar 30 minutos,
como podem vim 3 ônibus juntos apostando corrida para ver quem chega primeiro
em João Pessoa, durante o dia sobra ônibus e nos horários de pico a frota não
da conta… 

Uma vez chegando ao mercado modelo (rodoviária de JP), a espera por
lotar o ônibus irrita os usuários que aguardam de 10 a 15 minutos dentro do
coletivo a boa vontade do fiscal liberar a saída, chegando a Eletropeças o fato
se repete e lá se vão mais longos 10 minutos a espera de passageiros, esse é um
dos motivos que levam a linha a não ter horários fixos e andar vazia durante o
dia, a maioria não tem paciência de esperar, o fato dela não ter ponto final também
colabora, em tese, durante as 8 horas de trabalho cada motorista tem direito a
apenas 30 minutos de repouso. 

A
frota atual por parte da Almeida é composta por 2 microônibus Marcopolo Senior, insuficientes para a
demanda e 2 ônibus convencionais da Wilson, que podem ser qualquer um da empresa tendo
em vista que ela faz rodízio de frota na linha. 

O
percurso já foi modificado duas vezes no trecho do bairro do Sesi e
recentemente devido as obras do binário da Av. Liberdade foi invertido,
inicia-se na esquina da Liberdade com a Rua Flávio Maroja Filho, seguindo pela
Rua José Pereira de Andrade, Rua Diógenes Chianca, Rua Pinheiro Machado e Rua
Francisco de Almeida, a partir daí volta a Av Liberdade e segue o caminho das
demais linhas em direção ao centro de JP.

Uma curiosidade sobre a linha é que até o fim do anos 90 a parte da linha operada pela empresa Wilson sempre recebia os carros adquiridos 0 Km .

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.