Promotora apresenta recurso contra decisão de falência do Grupo Busscar

Fonte: G1
Foto: Divulgação

O
Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) apresentou recurso contra a decisão
que decreta a falência do Grupo Busscar, de Joinville. O recurso foi
apresentado ao Tribunal de Justiça e contesta o Juízo da 5ª Vara Cível da
Comarca de Joinville, responsável pelo decreto de falência da empresa
fabricante de carrocerias de ônibus. Segundo o MP, a promotora de Justiça Ângela Valença Bordini
requer a nulidade da assembleia-geral, em que os credores rejeitaram o plano de
recuperação apresentado pela empresa. Ela alega irregularidades na votação.
Conforme a promotora, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social
(BNDES) havia pedido a suspensão da assembleia-geral e o prazo de 35 dias para
analisar o plano de recuperação, o que foi não foi acatado.

Conforme
a alegação do MP, na votação, o plano foi aprovado pela maioria dos trabalhadores
e credores sem garantia, mas rejeitado por 50,56% dos credores com garantia
real, que têm uma porcentagem maior de decisão. O BNDES, também credor real, se
absteve de votar por não poder analisar a proposta.
Na constatação da promotora de Justiça, o voto do BNDES poderia
mudar o resultado da votação. Além disso, ela aponta irregularidades, como
interesses de empresas que votaram pela falência.  Como contraponto, ela
acredita que, apesar de ter a falência decretada, a empresa ainda é viável.
“Há que se salientar que as empresas já demonstraram sua capacidade de
produção ao, mesmo em estado de recuperação, terem produzido mais de cem ônibus
durante o trâmite do processo, o que demonstra, inclusive, a confiança do
mercado”, conclui. O recurso ainda precisa ser apreciado pelo Poder
Judiciário.
Falência
A falência foi decretada no dia 27 de setembro, pelo juiz
Maurício Cavallazzi Povoas. A sentença estipulou  o prazo de 90 dias
anteriores à data de protocolo da ação de recuperação judicial na Justiça, como
data inicial da falência. Com a decisão, a empresa suspendeu todas as
atividades.
O grupo Busscar é composto pelas empresas Busscar Ônibus S.A.,
Bus Car Investimentos e Empreendimentos Ltda, Buscar Comércio Exterior S.A.,
Lambda Participações e Empreendimentos S.A., Nienpal Empreendimentos e
Participações Ltda., TSA Tecnologia S.A., Tecnofibras HVR Automotiva S.A. e
Climabuss Ltda., todas administradas pelos sócios-diretores Claudio Roberto
Nielson e Fabio Luis Nielson.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Senior da PB Rio Apache Vip V da Viação Pendotiba Apache Vip V da N.S. Penha Vissta Buss 360 da 1001 Torino da Turp Transporte Viação Águia Branca estreia o Marcopolo G8 Apache Vip V da Transportes Flores Apache Vip IV da Auto Viação Vera Cruz Viação Águia Branca recebe os primeiros Marcopolo G8 Apache Vip IV da Viação Araçatuba Novos chassis rodoviários Volvo para longas distâncias Apache Vip IV com a nova identidade da N.S. Penha