Ônibus Paraibanos

Linha 1500 vira tema de documentário

Fonte: Jornal da Paraíba/Secom PB
Foto: Thiago Martins de Souza

Você conhece bairros como Costa e Silva, Geisel e Valentina?
Muitos moradores de João Pessoa, em especial em bairros como Manaíra, talvez
nunca tenham passado por essas localidades, mas sempre embarcam em um ônibus
que interliga as diferentes partes da cidade. O itinerário do 1500-Circular é o tema do documentário que vem sendo exibido pelo projeto cine volante da prefeitura municipal de João Pessoa. Segundo o videasta Chico Sales, o curtametragem
“1500 Circular” revela seu olhar sobre a cultura paraibana a partir de aspectos
distintos.

E é imerso no espaço/tempo dessa linha, dentro/fora do ônibus
que fluem variados cenários urbanos. Os passageiros viajam em seu pensar/viver
cotidiano. Dentro do ônibus e com uma câmera na mão, o diretor se transforma em
mais um passageiro que direciona seu olhar na perspectiva do outro, do
motorista e todos que estão em “trânsito”.
Esse olhar nos mostra uma cidade urbana
ainda sonho de prosperidade para aqueles que vem do interior da Paraíba. Uma
cidade de contrastes, onde se confrontam paisagens distintas, a exemplo da
Avenida das Trincheiras em Jaguaribe e da Avenida Epitácio Pessoa.
“Se pretende, através do percurso
natural desta linha de ônibus, visualizar uma forma nova de apreciar as
paisagens urbanas que passam pela janela do veículo, e apresentar uma visão
diferente de como as pessoas pensam sobre suas vidas inseridas no cotidiano da
cidade de João Pessoa”, conclui o diretor.
Em 1500 Circular, o diretor percorre a
cidade através da linha de ônibus 1500 Circular, que atravessa 23 bairros da
capital, a exemplo de Mangabeira, Oitizeiro, Jaguaribe, Costa e Silva, Manaíra,
Valentina e Geisel.
“Por circular por dois extremos da cidade –
da periferia do Costa e Silva aos luxuosos edifícios residenciais de Manaíra
neste ônibus – podemos obter uma visão ampliada dos diversos aspectos da
urbanidade pessoense, e das desigualdades sociais que a permeiam”, observa o
diretor.
O embarque para esta viagem acontece no
Mercado Público de Mangabeira. Sales circula por João Pessoa e nos mostra a
urbanidade da cidade e as milhares de pessoas que por toda a capital dependem
quase que exclusivamente da linha 1500-Circular para se deslocar de casa para
outros lugares.
“Fluidez e espontaneidade são os dois
elementos principais do documentário ‘1500 Circular’: a fluidez imagética da
viagem – o movimento, o deslocamento, o percurso, as imagens que transcendem a
janela do ônibus; e a espontaneidade das pessoas que nele circulam – suas
visões de mundo, suas manifestações, a diversidade, o olhar para fora do
veículo, o pensar na vida”, enfatiza Sales.
Em 1500, Sales circula por histórias tão
íntimas que não tem rostos e por tantos rostos que não tem nomes. É o encontro
do efêmero com o inevitável. É como diz o escritor francês Charles Baudelaire
no soneto A Uma Passante: “Não sabes aonde vou, eu não sei aonde
vais”.
Sobre o diretor
Chico Sales dirigiu seu primeiro vídeo de
curta-metragem em 2007. O vídeo foi seu projeto de conclusão de curso de
Comunicação Social na UFPB: “Renovatório”, onde revisita obras do ciclo Super 8
na Paraíba e analisa os principais temas  investigados pelo cinema
paraibano do início nos anos de 1980.
Desde 2005 trabalha no Ponto de Cultura
Urbe Audiovisual, onde também ministrou oficinas de cineclubismo e audiovisual.
Foi assistente de som dos filmes “Cão Sedento”, de Bruno de Sales em 2005; e no
“Meio do Mundo”, de Marcus Villar, em 2007.
O projeto 1500 Circular é co-produzido pelo
Ponto de Cultura Urbe Audiovisual, Associação Brasileira de Documentaristas
(ABD-PB), e Núcleo de Produção Digital da Paraíba (NPD-PB). Tem patrocínio da
Prefeitura Municipal de João Pessoa, através do Fundo Municipal de Cultura. O
lançamento conta com apoio do Sebrae Paraíba, Energisa e Trato Assessoria e
Produção Cultural.
Moradores do Valentina recebem projeto Cine Volante nesta 5ª

Moradores do
bairro Valentina de Figueiredo, na Zona Sul da Capital, recebem nesta
quinta-feira (13) o Projeto Cine Volante. Desenvolvido pela Fundação Cultural
de João Pessoa (Funjope), o projeto leva os
documentários “Uma Ciência Encantada” e “1500 Circular”, ambos do cineasta
paraibano Chico Salles, à Escola Municipal Dom Helder Câmara, localizada na Rua
Joamir Severino dos Santos. A exibição começa às 15h30.

 

Compartilhe esta matéria
ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.