Ônibus pichados durante protesto na PB devem passar por perícia

Fonte: G1 Paraíba

Os ônibus que foram pichados nesta quarta-feira (8) durante manifestação de alunos que reivindicavam o passe livre deverão passar por uma perícia feita pelo Instituto de Polícia Científica (IPC). Os advogados das empresas de transporte coletivo de João Pessoa querem provar que houve dano e, assim, caso necessário, pedir ressarcimento.
Um aluno maior de idade foi apontado pela polícia como autor da pichação. Ele foi ouvido e vai responder em liberdade por danos ao patrimônio privado. Um dos líderes estudantis, Heráclito Targino, admitiu que houve a pichação, mas depois que a Força Tática da Polícia Militar da Paraíba tentou impedir o protesto.

Alguns estudantes, durante o protesto, se sentaram no meio das ruas, interrompendo o tráfego, além de entrarem sem pagar no Terminal de Integração da Capital. Isso teria motivado a intervenção da PM, que informou que dois estudantes tentaram impedir a prisão de um terceiro ameaçando a polícia com pedras. Para conter o grupo, os policiais usaram spray de pimenta. Os estudantes negam a ameaça à PM.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.
Como ficariam os ônibus urbanos da Itapemirim? Relíquias do Museu da Itapemirim O amor pede passagem Busscar El Buss da Auto Viação 1001 Número das vendas e exportações de carrocerias de ônibus – 04/2021 Montagens de modelos com o layout da Nacional e Continental O Apache Vip na frota metropolitana da Grande João Pessoa O Apache Vip na frota municipal de João Pessoa Apache Vip da Util Renovação de frota na Boa Esperança