Ônibus Paraibanos

João Pessoa muda sistema de bilhetagem eletrônica e amplia atendimento ao usuário

Fonte: Banca de Jornalistas
Mudar o sistema de bilhetagem eletrônica de todos os ônibus de uma grande cidade é um processo muito mais complexo do que implantá-lo pela primeira vez. Esse desafio foi encarado, no início de junho, pelas empresas de transporte coletivo de João Pessoa (PB). “Nossa cidade ganhou um sistema moderno e eficiente, tão avançado que conseguiu converter dentro dos próprios ônibus mais de 98% dos cartões eletrônicos pré-existentes. Saibam mais aqui na íntegra!

Essa inovação tecnológica trará ainda mais rapidez na recarga dos cartões e no embarque de passageiros. E possibilitará multiplicar por dez o número de postos de atendimento ao usuário, passando dos oito atuais para 80 pontos até o fim deste ano. É um importante esforço para que nossos serviços sejam cada vez mais rápidos, práticos e humanos”, diz Mário Tourinho, diretor-executivo da Associação das Empresas de Transportes Coletivos Urbanos de João Pessoa (AETC-JP).
A nova tecnologia foi implantada nos 565 ônibus urbanos e nos 144 ônibus metropolitanos que atendem a capital da Paraíba. Apesar da mudança de sistema tecnológico, desenvolvido por outro fabricante, cerca de 500 mil usuários da cidade não precisaram trocar os cartões que utilizavam antes. Foi necessário apenas aproximar o bilhete eletrônico do equipamento por dois a cinco segundos para liberar o uso no novo sistema TDMAX, desenvolvido pela empresa Transdata Smart. A substituição dos validadores foi feita na noite que antecedeu o feriado de Corpus Christi. Assim, a configuração dos cartões no novo sistema foi feita pelos usuários durante o final de semana prolongado, com menor movimento, e as trocas daqueles inválidos continuou nos dias seguintes.
O sistema TDMAX é um dos modelos mais eficazes de automação para ônibus no Brasil. Fornece dados estatísticos que possibilitam às empresas e ao município maior velocidade no planejamento, bem como tomada de decisões corretivas em menor tempo e com maior segurança, permitindo melhorar continuamente a qualidade do serviço público.
A Transdata, que desenvolve o sistema, está sediada em Campinas (SP), e é pioneira no país em bilhetagem eletrônica e outras tecnologias de inteligência em transporte para operações suburbanas e intermunicipais. Suas soluções já estão nos ônibus de aproximadamente 150 empresas em 92 municípios brasileiros e também na Argentina e Colômbia.
“Esse conjunto de tecnologias oferece mais qualidade aos usuários e eficiência aos empresários. Estamos levando para todo o Brasil o que há de mais avançado no serviço público de transporte coletivo”, diz Paulo Tavares, presidente da Transdata.
Compartilhe esta matéria
ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.