Ônibus Paraibanos

Chassis Volvo Euro V para urbanos

Fonte: Volvo do Brasil
Matéria / Texto: JC Barboza, Paulo Rafael Viana

Todos nós sabemos que na busca por soluções para os sistemas de transportes urbanos do nosso país (e também do mundo em geral), a Volvo investe fortemente em veículos com tecnologia avançada, segurança e conforto. Nessa matéria na íntegra poderemos conhecer mais sobre seis chassis já configurados para a nova legislação Conama P7 mas conhecida como Euro V, para ônibus urbanos da Volvo, além de um chassi híbrido. Não deixem de acompanhar aqui 🙂

B270F 4×2 Urbano

O B270F é o primeiro chassi Volvo com motor dianteiro fabricado no Brasil.

Características técnicas: 

Chassi mais leve e resistente da categoria, feito em aço LNE 60, proporciona economia de combustível e excelente nível de esforço no volante. Seu tanque comporta 300 litros de combustível. É adequado à Lei da Balança.

Motor 7 litros de fácil manutenção devido ao sistema de injeção Common Rail. Com excelente consumo de combustível, possibilita trocas em menor rotação e tem grande disponibilidade de peças e serviços na rede Volvo.

Freios a tambor S-Came, com a maior capacidade de frenagem do mercado, ajuste nas 4 rodas, lonas adaptadas ao serviço urbano e baixo custo de manutenção.Câmbio com sistema de transmissão por cabo e posição ergonômica da alavanca. Embreagem de 395mm, com maior vida útil. As trocas de marchas são mais suaves, sem ruído para motorista e passageiros devido à ausência de furo no capô.Eixo de tração com engrenagens adaptadas ao segmento urbano, carcaça soldada, simples redução, rolamento de roda livre de manutenção e menos ruído.

Suspensão metálica com molas parabólicas que não necessitam de manutenção, têm maior comprimento entre centros, menor peso e mantêm o veículo nivelado mesmo com carga.

Especificações técnicas: http://migre.me/9S0dL

B290R 4×2 Urbano

Chassi para aplicações urbanas reconhecido pela sua versatilidade, economia, disponibilidade, segurança e baixo consumo de combustível. Possui versões de piso baixo e normal, oferecendo uma excelente flexibilidade de encarroçamento.

Características técnicas:

Motor traseiro eletrônico de 7 litros (D7E) e configuração 4×2;

Tecnologia embarcada Volvo BEA2 (Bus Eletrical Architeture), que faz com que todos os módulos de comando do veículo (motor, freio, suspensão, luzes) sejam interligados entre si e transmitam os códigos de falha até o condutor no painel. Em sua segunda geração tornou-se mais simples e eficiente, facilitando a manutenção e o encarroçamento. 
 

Display do computador de bordo com dezenas de informações do motor, dos freios, da suspensão, das luzes externas, dados operacionais e diagnósticos de falhas;

Sistema de freios EBS-5 – Eletronic Brake System – que incorpora uma série de dispositivos: ABS (evita o travamento das rodas na frenagem), ASR (igual a força de tração nas rodas), freios a disco de grande durabilidade e desempenho, regulagem eletrônica de pressão na frenagem, sensores de desgaste de pastilhas e auxílio de arranque em subidas.

Especificações técnicas:  http://migre.me/9S0Bj

B360S Articulado

Chassi articulado com piso totalmente baixo, projetado para facilitar a acessibilidade e rapidez do embarque e desembarque. Possibilita todas as portas baixas (vantagem exclusiva deste chassi) e tem capacidade para transportar até 160 passageiros, permitindo variações conforme a distribuição dos assentos.

Projeto baseado nas soluções testadas de piso baixo que a Volvo tem em várias cidades da América Latina e Europa. Chassi escolhido para operar no sistema Transantiago, no Chile, cuja frota inclui mais de 1000 ônibus deste modelo

Características técnicas:
Motor de última geração, posicionado lateralmente entre eixos, com potência de 360cv e torque de 1600Nm;

Caixa de câmbio automática;

Capacidade de carga de 30,5 toneladas;

Freios a disco com controle eletrônico;

Suspensão pneumática controlada eletronicamente;

Sistema eletrônico integrado com o computador de bordo.

Especificações técnicas: http://migre.me/9S0O4

B360S Biarticulado

Chassi biarticulado com piso totalmente baixo, projetado para facilitar a acessibilidade e rapidez do embarque e desembarque. Possibilita todas as portas baixas (vantagem exclusiva deste chassi) e tem capacidade para transportar até 270 passageiros, permitindo variações conforme a distribuição dos assentos.

Características técnicas:

Motor de última geração, posicionado lateralmente entre eixos, com potência de 360cv e torque de 1600Nm;

Caixa de câmbio automática;

Capacidade de carga de 30,5 toneladas;

Freios a disco com controle eletrônico;

Suspensão pneumática controlada eletronicamente;

Sistema eletrônico integrado com o computador de bordo.

Especificações técnicas: http://migre.me/9S0YE

B340M Articulado

Chassi articulado com motor horizontal que permite melhor aproveitamento do espaço interno, maior capacidade de passageiros e operação em plataformas de embarque e desembarque.

Seu projeto é a base de sistemas de BRT (Bus Rapid Transit) em cidades como Curitiba (PR), Goiânia (GO), Vitória (ES) e Bogotá (Colômbia).

Características técnicas:  

Motor Volvo de 12 litros, horizontal, posicionado no entre-eixos e totalmente eletrônico;
Tecnologia embarcada Volvo BEA2 (Bus Eletrical Architeture), que faz com que todos os módulos de comando do veículo (motor, freio, suspensão, luzes) sejam interligados entre si e transmitam os códigos de falha até o condutor no painel. Em sua segunda geração, tornou-se mais simples e eficiente, facilitando a manutenção e o encarroçamento.

Sistema de freios a disco ABS e ASR (controle de tração) de série.

Especificações técnicas: http://migre.me/9S15S

B340M Biarticulado

Chassi biarticulado com motor horizontal que permite melhor aproveitamento do espaço interno, maior capacidade de passageiros e operação em plataformas de embarque e desembarque.

Seu projeto é a base de sistemas de BRT (Bus Rapid Transit) em cidades como Curitiba (PR), Goiânia (GO), Vitória (ES) e Bogotá (Colômbia).

Características técnicas:

Motor Volvo de 12 litros, horizontal, posicionado no entre-eixos e totalmente eletrônico;

Tecnologia embarcada Volvo BEA2 (Bus Eletrical Architeture), que faz com que todos os módulos de comando do veículo (motor, freio, suspensão, luzes)sejam interligados entre si e transmitam os códigos de falha até o condutor no painel. Em sua segunda geração, tornou-se mais simples e eficiente, facilitando a manutenção e o encarroçamento;

Sistema de freios a disco ABS e ASR (controle de tração) de série.

Especificações técnicas:  http://migre.me/9S1bk

Híbrido

A Volvo desenvolveu uma solução própria de tecnologia híbrida. Os motores diesel e elétrico funcionam em paralelo, tracionando o veículo de forma simultânea ou de forma independente. Ao arrancar, o ônibus é movido pelo motor elétrico. O alto torque proporciona uma partida macia e silenciosa. A partir de aproximadamente 20 km/h, o motor diesel entra em operação. Quando o veículo está parado – no trânsito, para embarque de passageiros ou semáforos – o motor diesel é desligado.
 

Um avançado sistema regula a aplicação dos recursos de potência e as duas fontes de energia interagem de forma otimizada.
 
Esta nova tecnologia, que está em demonstração no mercado brasileiro, consome até 35% menos combustível e emite até 50% menos gases poluentes que os ônibus convencionais em operação na Europa.
Especificações técnicas: http://migre.me/9S1A0

Todos os direitos reservados. Para reprodução da matéria, somente com autorização da moderação do site ou do autor.  Não é necessária a autorização para reprodução 24 horas depois da publicação neste site.
Compartilhe esta matéria
ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.