Ônibus Paraibanos

Prefeitura de Monteiro conquista mais 6 novos ônibus para unidades de educação

Fonte: Gavião da Paraíba

No final de 2010, a
Prefeitura de Monteiro em parceria com o Governo Federal conseguiu para atender
os estudantes da rede municipal de educação 5 novos ônibus escolares, que
atualmente atendem alunos da zona rural do município. Já em 2012, a Prefeitura
através do Governo do Estado conseguiu mais um novo ônibus escolar.
Esta semana, a
Prefeitura de Monteiro confirmou a informação de uma nova parceria com o
Governo Federal em prol da educação do município. Foi confirmada a conquista de
mais 6 novos ônibus escolares, sendo que 5 unidades com capacidade para
transporte de 45 estudantes e uma unidade para transporte de pessoas portadoras
de necessidades especiais.

A prefeita Edna
Henrique confirmou que estará viajando nessa terça-feira, 26, quando
participará da solenidade de assinatura do Termo de Compromisso, com a presença
da Presidenta da República, Dilma Rousseff, no Palácio do Planalto, na
quarta-feira, 27, às 11h00.
Além dos ônibus
escolares o município foi contemplado com 20 unidades de projetores ProInfo, 29
aparelhos de ar condicionado 18.000 Btus, 105 ventiladores, 1.748 novas
carteiras escolares para estudantes, 50 novas mobílias para professores e 88
unidades de mesa para pessoa com cadeia de rodas.
Segundo Ana Lima
Feliciano, Secretária de Educação, esses projetos foram cadastrados no final do
mês de maio pela Secretaria Municipal de Educação junto ao Governo Federal. Ela
acrescentou que os projetos pleiteados pela Prefeitura de Monteiro foram
através do Plano de Ações Articuladas-PAR, com recursos oriundos do FNDE.
“A Prefeitura de Monteiro
cadastrou os projetos e buscou mais investimentos para a educação do município.
A conquista já pode ser comemorada com a confirmação de 6 novos ônibus
escolares e equipamentos que atenderão as escolas da rede municipal de ensino.
Vamos aguardar que os ônibus e os equipamentos possam ser repassados pelo órgão
parceiro, cumprindo as normas e trâmites estabelecidas pela Lei”, concluiu Ana.
Compartilhe esta matéria
ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.