Ônibus Paraibanos

Corredor exclusivo para ônibus pode ser implantado em Bayeux

Fonte: Bayeux em Foco
Assim como as cidades de Maringá e Rio de Janeiro que implantaram corredores preferenciais para ônibus, o BRS (Bus Rapid System), a cidade de Bayeux também poderá adotar o sistema que tem como objetivo organizar e aliviar um dos trajetos mais castigados pelo tráfego pesado na área central da cidade, especialmente nas Avenidas Liberdade e Engenheiro de Carvalho. Quem anunciou a possibilidade de implantação do corredor exclusivo para ônibus foi o empresário Adalberon Wilson, proprietário de uma das empresas de transporte coletivo em Bayeux, durante entrevista exclusiva ao Bayeux em Foco. Leiam mais!

Segundo ele, a proposta será levada ao prefeito Jota Júnior a quem compete a decisão de viabilizar o BRS.
O sistema de ônibus com faixas preferenciais é uma das melhores soluções para cidades médias e grandes que sofrem com a mobilidade urbana e não dispõem de grandes orçamentos para implantação de sistemas como metrô, VLT, monotrilho ou BRT. BRS apresenta baixo custo e oferece retorno praticamente imediato já que dispensa grandes obras civis, desapropriações e pode ser operado por ônibus convencionais.
Av Liberdade e seu início
“A cidade tem uma malha viária comprometida e um trânsito caótico. Com a saída do binário pensamos em pleitear junto ao prefeito para que transforme uma das faixas no horário de maior demanda exclusiva para ônibus e táxis porque a maioria da população usa o sistema de transporte de massa”, explicou Adalberon.
De acordo com Adalberon, a medida aumentará a fluidez e a velocidade média do transporte coletivo na via. Com a nova faixa exclusiva, a fluidez do transporte coletivo em Bayeux deve melhorar até 30%, já que nas avenidas Liberdade e Engenheiro registram os maiores congestionamentos.
“A decisão é meramente do prefeito. A gente vai levar como proposta para que ele implante em Bayeux como ocorre no Rio de Janeiro, Curitiba e São Paulo. Todo mundo carece de uma mobilidade rápida e de um transito mais fácil para população”, ressaltou o empresário. Ainda de acordo com Adalberon, a tarifa de ônibus pode diminuir consideravelmente com a implantação de outras medidas. Ele defende a criação de um TI (Terminal de Integração) que associado à faixa exclusiva para ônibus possibilitaria uma melhor prestação do serviço e a redução do preço das passagens.
“Com o Terminal de Integração há uma boa redução da tarifa já que a gente não precisaria de tantos ônibus para transportar a mesma quantidade de pessoas. O custo da tarifa é reflexo do que você necessita para levar os passageiros em ambas as pontas”, concluiu.
Compartilhe esta matéria
ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.