Vereador de Cajazeiras denuncia que motorista do acidente da Guanabara trabalhou sem descanso

Fonte: Diário do Sertão
O presidente da Câmara Municipal de Cajazeiras, o vereador Marcos Barros, revelou nesta terça-feira (10), que fez um levantamento dentro da empresa Guanabara e descobriu que Aderaldo Fernandes da Silva, de 65 anos, motorista do ônibus que se envolveu no acidente na BR 230 no sábado (07), vitimando sete pessoas e deixando 15 feridas, trabalhou duas noites seguidas sem descanso. Confiram mais informações sobre esse caso nessa matéria.

De acordo com o parlamentar, o motorista saiu da cidade de Patos na quinta-feira (05), de 01:00 da madrugada, chegando a João Pessoa na sexta-feira (06), de manhã e saiu da capital no mesmo dia às 22:00 horas, para chegar em Cajazeiras no sábado (07) por volta das 06:00 da manhã. O vereador informou também, que a empresa tinha um quadro com 90 motoristas, demitiu 30 deles e após o acidente chamou de volta 10.
Marcos disse que está solicitando ao Detran da Paraíba toda a escala dos motoristas da Guanabara do mês de dezembro 2011 e janeiro de 2012, e vai fazer uma denúncia no Ministério do Trabalho, para que a empresa seja penalizada. No ano passado, 11 acidentes foram registrados envolvendo ônibus da empresa, sendo oito na Paraíba.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

ATENÇÃO: Este conteúdo é protegido.
Os primeiros Jum Buss 360 da Gontijo Repasses de Busscar da UTIL para a Brisa Ideale 1440 da Paraíba Turismo Paradiso DD da Itabus Ideale da VIX Logística Paradiso DD da Fabbitur Paradiso DD da Martinele Transportes Ideale da Tursan Turismo Comil Svelto da Viper Transportes Cidades com Tarifa Zero